Busca avançada
Ano de início
Entree

Modelagem e simulação para um sistema de ensaios não destrutivos por ultrasom utilizando o método dos elementos finitos

Processo: 03/03518-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2003
Vigência (Término): 31 de agosto de 2005
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Medidas Elétricas, Magnéticas e Eletrônicas, Instrumentação
Pesquisador responsável:Julio Cezar Adamowski
Beneficiário:Jimmy Ernesto San Miguel Medina
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ultrassom   Método dos elementos finitos   Ensaios não destrutivos

Resumo

A aplicação do método de elementos finitos na modelagem da propagação de ondas elásticas em sólidos visando a compreensão dos sinais emitidos e recebidos por transdutores em ensaios não destrutivos por ultra-som teve início no final da década de 80. Os trabalhos mais importantes sobre a análise da propagação de ondas em sólidos para aplicações em ensaios não destrutivos consideram a excitação produzida por um pistão plano ou excitação com variação radial de amplitude, mas sem variação de fase. Esse trabalho tem como objetivo a implementação de modelos de propagação em líquidos e sólidos incorporando o transdutor piezoelétrico, utilizando elementos finitos piezoelétricos, e simulando o modo pulso-eco, visando aplicações em ensaios não destrutivos por ultra-som. Para validar os modelos serão realizadas verificações experimentais com protótipos de transdutores piezoelétricos, nas freqüências entre 1 e 2 MHz, e peças de testes em tanque de imersão. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MEDINA, Jimmy Ernesto San Miguel. Modelagem de ensaios não destrutivos por ultra-som utilizando o método dos elementos finitos.. 2005. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Escola Politécnica São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.