Busca avançada
Ano de início
Entree

A família Parmeliaceae (fungos liquenizados) em Cerrados do Estado de São Paulo

Processo: 03/03030-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2003
Vigência (Término): 31 de agosto de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Taxonomia Vegetal
Pesquisador responsável:Marcelo Pinto Marcelli
Beneficiário:Patrícia Jungbluth
Instituição-sede: Instituto de Botânica. Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Líquens   Cerrado   Parmeliaceae

Resumo

O domínio dos cerrados é pouco conhecido do ponto de vista da Liquenologia, sendo sua micota liquenizada (liquens) permanece praticamente desconhecida. Este projeto pretende realizar um levantamento das espécies de fungos liquenizados de hábito folhoso presentes nos vários habitats e fisionomias vegetais de 14 fragmentos de cerrados pertencentes a unidades de conservação localizados no nordeste do Estado de São Paulo. As espécies encontradas serão identificadas, tecnicamente descritas e documentadas por meio de imagem fotográfica ou digital. Além disso, chaves dicotômicas de identificação para os gêneros e espécies encontrados serão elaboradas. Este projeto de Mestrado é continuidade de projeto de Iniciação Científica, com bolsa da FAPESP (processo 02/08978-5), sobre os gêneros de fungos liquenizados da Reserva Ecológica de Moji-Guaçu (cerrado). (AU)