Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da expressão gênica global envolvida na proteção cardíaca induzida por precondicionamento isquêmico e por compostos quinazolínicos em coração de rato

Processo: 03/12600-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2004
Vigência (Término): 31 de março de 2008
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Kleber Gomes Franchini
Beneficiário:Ana Carolina Deckmann
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:01/11698-1 - Mecanismos de sinalização celular ativados por sobrecarga mecânica: implicações na hipertrofia e remodelamento miocárdicos, AP.TEM
Assunto(s):Análise de sequência com séries de oligonucleotídeos   Precondicionamento isquêmico   Rattus norvegicus

Resumo

A preservação funcional e estrutural do miocárdio isquêmico é um dos principais temas de estudos da cardiologia atual. Neste sentido, estudos recentes em nosso laboratório indicaram que compostos quinazolínicos com propriedades inibidoras de adenosina quinase induzem proteção miocárdica tanto aguda como tardia. Tendo em vista o potencial destes compostos como agentes farmacológicos eficientes em proteger o miocárdio durante a isquemia prolongada, bem como auxiliar no entendimento dos mecanismos e etapas envolvidas na sinalização e efetuação da proteção miocárdica, o presente estudo irá adotar uma abordagem comparativa para investigar as respostas transcricionais intrínsecas à proteção cardíaca induzida por agente não-farmacológico (precondicionamento isquêmico) em comparação à proteção cardíaca induzida por este agente farmacológico. Para isto, será adotada a estratégia baseada em microarranjos de DNA, uma técnica já padronizada e utilizada anteriormente pela candidata para estudar os perfis de expressão gênica global na hipertensão cardiovascular. Serão produzidos microarranjos referentes às mensagens transcritas em três períodos distintos, 24, 48 e 72 horas após o estímulo indutor da cardioproteção (isquemia ou quinazolina), de forma a capturar as alterações transcricionais envolvidas na proteção miocárdica induzida por agentes distintos e, portanto auxiliar na compreensão deste fenômeno de alta relevância clínica. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
DECKMANN, Ana Carolina. Estudo da expressão genica global na fase tardia da proteção cardiaca induzida por compostos quinazolinicos em coração de camundongos. 2008. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Ciências Médicas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.