Busca avançada
Ano de início
Entree

Revisão taxonômica e filogenia do gênero Rhinodoras Bleeker, 1862 (Siluriformes, Doradidae)

Processo: 03/09304-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2004
Vigência (Término): 31 de março de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Heraldo Antonio Britski
Beneficiário:José Luís Olivan Birindelli
Instituição-sede: Museu de Zoologia (MZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Doradidae   Filogenia   Zoologia (classificação)

Resumo

O gênero Rhinodoras Bleeker, 1862, pertence à família Doradidae, que é endêmica da região neotropical. Nele estão incluídas atualmente três espécies que possuem distribuição cis-andina e trans-andina, ocupando a bacia Amazônica, a do Paraná-Paraguai e a do lago Maracaibo, na Venezuela. Além destas, existe uma espécie nova em fase de descrição, procedente da bacia do rio Orinoco, e duas outras possíveis espécies novas procedentes do rio Tocantins e do rio Rupununi, na Guiana. Rhinodoras integra um clado formado por Orinocodoras e Rhynchodoras, cujas relações filogenéticas são desconhecidas. Portanto objetiva-se uma revisão taxonômica do gênero Rhinodoras e o estudo da filogenia de suas espécies e daquelas relacionadas. (AU)