Busca avançada
Ano de início
Entree

Proteomica funcional: estudo do papel da nucleofosmina na gliomagenese

Processo: 08/51360-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2008
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:José César Rosa
Beneficiário:Marcela Gimenez
Instituição-sede: Hemocentro de Ribeirão Preto. Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (HCMRP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Progressão tumoral

Resumo

Atualmente, câncer está sendo altamente reconhecido como uma doença das proteínas, de tal forma que, a proteômica pode representar um atalho entre mudanças no genoma e desenvolvimento de câncer. As células gliais podem sofrer mutações para formar células tumorais gliais ou gliomas, dentre os quais 70% originam de astrócitos. Nós desenvolvemos um estudo proteômico em amostras de astrocitomas cirurgicamente removidas de pacientes, baseado em eletroforese bidimensional (2DE) e espectrometria de massas (MALDI-TOF e ESI-MS/MS), para identificar proteínas diferencialmente expressas na progressão tumoral, de acordo com o aumento dos graus de malignidade (graus II, III e IV). As proteínas identificadas foram nucleofosmina (NPM), anexina I, anexina V, peptidil-prolil cis-trans isomerase e alfa-cristalina cadeia B e apresentaram correlação com os estádios de astrocitomas. A proteína NPM apresentou níveis de expressão aumentados durante a evolução de astrocitomas, e demonstrou ter uma correlação direta com a progressão tumoral, que foi confirmada por sondagem de amostras de pacientes por anticorpo monoclonal anti-NPM através de western blot e por microarranjo de DNA. Na presente proposta, pretendemos estudar, através de metodologia proteômica, o papel desempenhado por NPM em linhagens celulares T98G e U87MG, derivadas de glioblastoma multiforme (grau IV). Para isso iremos correlacionar mudanças do proteôma com proliferação, migração celular e apoptose sob estimulo de EGF e seu efeito sobre os níveis de NPM, bem como, o efeito do silenciamento da expressão de NPM por RNA de interferência (RNAi). Isto poderá demonstrar as proteínas que são dependentes de/ou agem sobre NPM. Também, nós continuaremos os estudos proteômicos de amostras de pacientes para mais 5 amostras de cada grau de malignidade, utilizando estratégia de 2DE e complementando com shotgun peptide sequencing (SPS) cuja abordagem experimental será delineada neste projeto, com o objetivo de estender a identificação de novos biomarcadores e alvos para intervenção terapêutica. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GIMENEZ, MARCELA; MARIE, SUELY K. N.; OBA-SHINJO, SUELI M.; UNO, MIYUKI; DA SILVA, ROSELI; LAURE, HELEN JULIE; IZUMI, CLARICE; OTAKE, ANDREIA; CHAMMAS, ROGER; ROSA, JOSE CESAR. Quantitative proteomic analysis and functional studies reveal that nucleophosmin is involved in cell death in glioblastoma cell line transfected with siRNA. PROTEOMICS, v. 12, n. 17, SI, p. 2632-2640, AUG 2012. Citações Web of Science: 5.
GIMENEZ, MARCELA; DE OLIVEIRA SOUZA, VANESSA CRISTINA; IZUMI, CLARICE; BARBIERI, MANUELA R.; CHAMMAS, ROGER; OBA-SHINJO, SUELI MIEKO; UNO, MIYUKI; NAGAHASHI MARIE, SUELY KAZUE; ROSA, JOSE CESAR. Proteomic analysis of low- to high-grade astrocytomas reveals an alteration of the expression level of raf kinase inhibitor protein and nucleophosmin. PROTEOMICS, v. 10, n. 15, p. 2812-2821, JUL 2010. Citações Web of Science: 27.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.