Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de mecanismos regulatórios e mapeamento de genes associados a malformações craniofaciais

Processo: 03/12187-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de março de 2004
Vigência (Término): 30 de junho de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Maria Rita dos Santos e Passos Bueno
Beneficiário:Cibele Masotti
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/14254-2 - Centro de Estudos do Genoma Humano, AP.CEPID
Assunto(s):Anormalidades craniofaciais   Disostose mandibulofacial   Síndrome aurículo-condilar   Mapeamento genético   Regiões promotoras genéticas   Gene TCOF1   Proteína treacle

Resumo

Este projeto refere-se ao estudo de duas malformações craniofaciais, decorrentes de um distúrbio do desenvolvimento dos primeiro e segundo arcos branquiais, com padrão de herança autossômico dominante. O primeiro alvo deste estudo será a síndrome de Treacher Collins, com incidência de 1:50.000 nascimentos, sendo 40% dos casos familiais e 60% respóradicos. Há grande variação fenotípica e grande variabilidade inter e intra-familial. O gene responsável é o TCOF1 e mapeado em 5q31-33. Este projeto se propõe a caracterizar a região promotora do gene TCOF1, verificando a existência de mutações e de polimorfismos neste promotor, correlacionando tais informações com a variabilidade da expressão fenotípica da síndrome ou com a ausência de mutações patogênicas na região codificadora. Também verificaremos a funcionalidade dos elementos transcricionais caracterizados in silico e dos polimorfismos identificados, além de restringir a região promotora mínima, com a utilização do ensaio da luciferase. O segundo alvo deste estudo é a síndrome Auriculo-condilar, caracterizada pela malformação das orelhas ("question mark ears"), associada à malformação dos côndilos mandibulares e da articulação têmporo-mandibular, incluindo micrognatia severa. A síndrome parece apresentar grande variabilidade fenotípica. O gene responsável pela síndrome é desconhecido te este projeto pretende identificá-lo, por meio do mapeamento e clonagem posicional do gene em questão. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MASOTTI, Cibele. Estudo de mecanismos regulatórios e mapeamento de genes associados a malformações craniofaciais. 2007. 158 f. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.