Busca avançada
Ano de início
Entree

Isolamento de possíveis antibióticos produzidos por actinomicetos encontrados em ninhos de formigas cortadeiras do grupo Attini

Processo: 03/12430-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2004
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Paulo Cézar Vieira
Beneficiário:Barbara Casellato Elias
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:00/12538-5 - Estudo das potencialidades de algumas espécies vegetais e produtos naturais e sintéticos para o controle de formigas cortadeiras, AP.TEM
Assunto(s):Fermentação   Streptomyces   Formigas cortadeiras

Resumo

As fontes naturais produzem grande diversidade estrutural em substâncias químicas, que possuem um amplo potencial biológico. Os actinomicetos do gênero Streptomyces isolados de solos são produtores de diversas classes de antibióticos e suprem mais de 50% dos antibióticos utilizados atualmente. Estas moléculas apresentam atividade antibacteriana, antifúngica, antitumoral, antiviral e antiparasitária. Recentemente, espécies de Streptomyces isolados de outras fontes naturais, como água do mar, cogumelos e plantas vêm se mostrando produtoras de antibióticos, comprovando o potencial bioativo deste gênero. Em ninho de formigas cortadeiras, actinomicetos, Leucoagaricus gongylophorus e formigas vivem em simbiose e enfrentam um parasita do gênero Scovopsis. Streptomyces presentes neste ambiente são aparentemente responsáveis pela inibição do parasita. Propõe-se neste projeto a adequação das condições de cultivo para produção de antibióticos por dois actinomicetos isolados de ninhos de formigas cortadeiras, incluindo: obtenção e fracionamento de extratos brutos, isolamento e identificação de metabólitos secundários (antibióticos) e avaliação da atividade antimicrobiana frente à patógenos conhecidos. Além disso, o estudo do metabolismo secundário destas espécies, do ponto de vista ecológico e bioquímico, poderá contribuir para um maior entendimento da interação simbiótica entre formiga e microrganismo(s) envolvidos nesta relação. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.