Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização funcional e estrutural de proteínas relacionadas a patogenicidade de Xylella fastidiosa

Processo: 04/02540-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de agosto de 2004
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Anete Pereira de Souza
Beneficiário:Antonio Marcos Saraiva
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Assunto(s):Virulência   Fitopatógenos   Clorose variegada dos citros   Xylella fastidiosa   Expressão de proteínas   Purificação de proteínas

Resumo

A bactéria Xylella fastidiosa é um fitopatógeno que ocasiona, entre outras doenças, a Clorose Variegada dos Citros (CVC), gerando grandes danos à citricultura brasileira, particularmente ao estado de São Paulo, o maior produtor nacional de laranja e derivados. Ainda não existe um método eficiente de combate ao fitopatógeno, apenas medidas paliativas de controle a curto e longo prazo. Métodos mais eficazes de combate podem ser gerados a partir da genômica funcional, pelo estudo estrutural e funcional de proteínas relacionadas à patogenicidade da bactéria. Estes estudos compreendem a clonagem e expressão gênica, bem como, posterior purificação protéica e resolução da estrutura tridimensional. Este trabalho constitui-se do estudo de seis proteínas possivelmente relacionadas à patogenicidade, compreendendo a clonagem do gene, expressão e purificação destas proteínas, bem como análise funcional e resolução estrutural, visando à implementação - com o auxílio do conhecimento da estrutura protéica - de abordagens moleculares que alterem a conformação nativa destas proteínas e, então, tornar os métodos de combate ao patógeno mais eficientes e diretos, o que dará uma maior competitividade à citricultura brasileira. (AU)