Busca avançada
Ano de início
Entree

Florescimento, frutificação e carboidratos em laranjeiras "valência" com diferentes níveis de produtividade e submetidas a irrigação

Processo: 04/06203-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2004
Vigência (Término): 30 de abril de 2006
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Eduardo Caruso Machado
Beneficiário:Ana Karina de Souza Prado
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Produtividade   Floração   Frutificação   Irrigação   Carboidratos

Resumo

A quantidade de frutos presentes em árvores 'ON' (alta carga de frutos) e em árvores 'OFF' (baixa carga de frutos) afeta quantitativamente o florescimento e a frutificação. Este efeito é mais pronunciado em plantas 'ON' se houver ocorrência de deficiência hídrica. Nesta pesquisa têm-se como objetivos avaliar como a quantidade de frutos (carga pendente) presente na planta de laranjeira 'Valência' em um ano afeta o teor de carboidratos em folhas e ramos, o crescimento vegetativo, o florescimento, a frutificação e a produção de frutos na safra do ano seguinte, em plantas submetidas ou não à irrigação. O trabalho será conduzido no Centro APTA de Citros do Instituto Agronômico de Campinas, entre fevereiro de 2004 a março de 2005, em um pomar irrigado de laranjeira 'Valência' sobre limoeiro 'Cravo'. Serão efetuados quatro tratamentos: 1) plantas com frutos e irrigadas; 2) plantas sem frutos (desbaste) e irrigadas; 3) plantas com frutos e não irrigadas e 4) plantas sem frutos (desbaste) e não irrigadas. Serão quantificados o crescimento vegetativo, o número e tipo de inflorescências e a taxa de abscisão de flores e de frutos jovens. Tais variáveis serão relacionados com a concentração de carboidratos nos tecidos foliares e em ramos, medidos mensalmente. (AU)