Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da expressão gênica por microarrays em Gracilaria tenuistipitata, submetida a estresse por metais pesados

Processo: 04/09403-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Pio Colepicolo Neto
Beneficiário:Angela Pedroso Tonon
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:01/13482-6 - Aspectos da adaptação bioquímica ao estresse de poluentes em micro e macroalgas marinhas: modulação de antioxidantes celulares e expressão de proteínas de defesa, AP.TEM
Assunto(s):Metais pesados   Gracilaria   Algas   Agar

Resumo

O gênero Gracilaria (Rhodophyta) possui importância econômica, por ser fonte de extração de ficocoloides (ágar-ágar), apresentando grande aplicação na indústria biotecnológica, alimentícia e farmacêutica. No Brasil, não existem cultivos comerciais em larga escala perdendo oportunidade de maricultura. O ágar é utilizado como espessante, estabilizante ou gelificante em diversos produtos alimentícios, também é usado em laboratório para eletroforese em géis de agarose, entre outras aplicações. Um dos grandes problemas no crescimento e desenvolvimento das algas são gerados por poluentes marinhos. Os poluentes mais nocivos ao meio ambiente são os químicos, entre eles, os metais pesados, que são adquiridos pelos organismos diretamente de ambientes contaminados ou através da cadeia alimentar. A Gracilaria tenuistipitata é uma espécie que possui tolerância a fatores ambientais e é de fácil crescimento in vitro, servindo como organismo modelo para várias análises. Existem poucos estudos sobre a biologia molecular desta alga. Um estudo sobre a biblioteca de cDNA da alga revelou informações importantes sobre o repertório genético, identificado pelas ESTs (Expressed Sequence Tags). Este método prevê um rápido caminho na identificação de sequências codificadoras de proteínas. Assim, seria considerável outro estudo sobre a expressão de genes de importância vital para a alga. O intuito seria a análise do padrão da expressão gênica (transcriptoma), pela técnica microarrays. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Microalgas transgênicas são mais eficientes na fotossíntese, indica estudo