Busca avançada
Ano de início
Entree

Peroxiredoxinas em defesa antioxidante e em controle de agregação de proteínas. estudos em s. cerevisae com deleção de peroxiredoxinas e expressão de superóxido dismutases associadas a esclerose lateral..

Processo: 04/10509-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 31 de julho de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Ohara Augusto
Beneficiário:Renata Ogusucu
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:03/09097-5 - Oxidantes derivados do óxido nítrico: fundamentos e potenciais aplicações em inflamação/infecção, AP.TEM
Assunto(s):Oxidantes   Esclerose amiotrófica lateral   Saccharomyces cerevisiae   Radicais livres

Resumo

Esse projeto pretende examinar o papel de peroxiredoxinas (uma família de tiol-proteinas) em defesa antioxidante e controle de agregação de proteínas em modelos simples de neurodegeneração. Serão utilizadas principalmente S. cerevisae com deleção de peroxiredoxinas citossólicas e/ou expressão de Cu,Zn-superóxido dismutase humana wt e mutantes associadas à esclerose lateral amiotrófica familiar (ELAf). Espera-se contribuir para a compreensão das complexas relações entre oxidantes, agregação de proteínas e neurodegeneração. (AU)