Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos florísticos, fitossociológicos e fitogeográficos em formações alto-montanas da Serra da Mantiqueira meridional, Sudeste do Brasil

Processo: 04/10110-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 31 de maio de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fitogeografia
Pesquisador responsável:George John Shepherd
Beneficiário:Leonardo Dias Meireles
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Florística   Serra da Mantiqueira

Resumo

Em comparação com a vegetação das regiões mais baixas do estado de São Paulo, as formações vegetacionais alto-montanas são quase desconhecidas. Estas formações demonstram uma alta proporção de endemismos e são dê; grande interesse fitogeográfico, por apresentarem diversas espécies que ocorrem em outras cadeias montanhosas da América do Sul. Embora relativamente protegidas pela topografia íngreme e a dificuldade de acesso, as formações alto-montanas são extremamente vulneráveis às mudanças climáticas. O projeto aqui proposto pretende realizar um levantamento florístico e fitossociológico de um trecho da floresta alto-montana e um levantamento florístico do campo de altitude na região da Serra Fina, a parte mais alta e menos conhecida da Serra da Mantiqueira Meridional, objetivando melhorar nosso conhecimento sobre a composição, estrutura e afinidades geográficas das florestas e campos desta região. Pretendemos, também, utilizar ferramentas de modelagem de nicho ecológico para tentar entender melhor os fatores que determinam a distribuição de algumas das espécies características destas formações. Acreditamos que essas relações são os elementos chave para a compreensão dos padrões de riqueza florística e da diversidade relacionada ao gradiente altitudinal da região sudeste do Brasil. (AU)

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MEIRELES, LEONARDO DIAS; SHEPHERD, GEORGE JOHN. Structure and floristic similarities of upper montane forests in Serra Fina mountain range, southeastern Brazil. Acta Botanica Brasilica, v. 29, n. 1, p. 58-72, JAN-MAR 2015. Citações Web of Science: 2.
DE MORAES, PEDRO L. R.; PACHECO, RENATO S.; MEIRELES, LEONARDO D. Persea pumila (Lauraceae), a New Species from the Brazilian ``Serra da Mantiqueira{''} Mountain Range. SYSTEMATIC BOTANY, v. 39, n. 2, p. 405-410, APR-JUN 2014. Citações Web of Science: 0.
ARANHA FILHO, JOAO LUIZ M.; MEIRELES, LEONARDO DIAS; FRITSCH, PETER W.; ALMEDA, FRANK; MARTINS, ANGELA B. A new species of Symplocos (Symplocaceae) from the Itatiaia Plateau of Brazil. BRITTONIA, v. 64, n. 3, p. 252-256, 2012. Citações Web of Science: 2.
BERTONCELLO, RICARDO; YAMAMOTO, KIKYO; MEIRELES, LEONARDO DIAS; SHEPHERD, GEORGE JOHN. A phytogeographic analysis of cloud forests and other forest subtypes amidst the Atlantic forests in south and southeast Brazil. BIODIVERSITY AND CONSERVATION, v. 20, n. 14, p. 3413-3433, DEC 2011. Citações Web of Science: 27.
HEIDEN, GUSTAVO; MEIRELES, LEONARDO DIAS. A new dwarf shrubby species of Baccharis subg. Baccharis (Asteraceae, Astereae) from southeastern Brazil. BRITTONIA, v. 62, n. 3, p. 215-218, SEP 2010. Citações Web of Science: 3.
TELES, ARISTONIO MAGALHAES; MEIRELES, LEONARDO DIAS. A new species of Senecio (Asteraceae: Senecionae) from southeastern Brazil. BRITTONIA, v. 62, n. 2, p. 178-182, JUN 2010. Citações Web of Science: 4.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MEIRELES, Leonardo Dias. Estudos floristicos, fitossociologicos e fitogeograficos em formações vegetacionais altimontanas da Serra da Mantiqueira Meridional, sudeste do Brasil. 2009. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Biologia.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.