Busca avançada
Ano de início
Entree

Cinetica das proteinas sericas e do cortisol de femeas caninas (canis familiaris - linnaeus, 1758) submetidas a operacao cesariana.

Processo: 04/11079-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 31 de julho de 2006
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Gilson Hélio Toniollo
Beneficiário:Valeska Rodrigues
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Cadelas   Hormônios

Resumo

Cadelas submetidas a cesariana, por estarem em situação diferente da Fisiológica, podem apresentar alterações para se adaptarem a essa nova condição de estresse. Dentre as possíveis alterações estão as das concentrações de cortisol e proteínas plasmáticas durante o período peri-parto. Sendo assim, os objetivos desse estudo serão identificar e quantificar as proteínas séricas das cadelas submetidas à cesariana na fase de parto e pós-parto (no dia do ato cirúrgico, 24, 48hs e 10 dias após), dosagem do cortisol nos mesmos períodos e analisar a cinética desses elementos no período, verificando possível correlação entre as variantes cortisol e proteínas séricas predominantes. Cadelas atendidas no Setor de Obstetrícia Veterinária, do Hospital Veterinário "Governador Laudo Natel" da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias - UNESP- Campus de Jaboticabal, serão avaliadas quanto à necessidade de se realizar a cesariana, compondo o grupo experimental, com 15 cadelas. Será colhido sangue das mesmas e algumas análises preliminares serão realizadas: hemograma, dosagens de fibringênio, uréia, creatinina, alanina aminotransferase (ALT), gamaglutamiltransferase (GGT), Fe, Ca, K, Na e Zn. O soro reservado, estocado em freezer -70ºC, será utilizado para a realização do proteinograma sérico por eletroforese em gel de acrilamida pela técnica de SDS-PAGE e dosagem de cortisol por Radioimunoensaio, nos períodos já descritos. A análise estatística será realizada por meio de comparação emparelhada (teste t). Além disso, serão estimadas correlações de Pearson entre tais níveis e do mesmo fator (proteínas plasmáticas ou cortisol) e discussão dos resultados obtidos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
RODRIGUES, Valeska. Hemograma, teores séricos de proteínas e de cortisol de fêmeas caninas (Cannis familiaris - Linnaeus, 1758) submetidas à operação cesariana. 2006. 69 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. Jaboticabal.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.