Busca avançada
Ano de início
Entree

Supersimetria em física de partículas

Processo: 04/10686-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Orlando Luis Goulart Peres
Beneficiário:André Paniago Lessa
Instituição-sede: Instituto de Física Gleb Wataghin (IFGW). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Física de partículas   Supersimetria   Modelo padrão estendido

Resumo

O modelo padrão das partículas elementares baseado na simetria SU(3)XSU(2)XU(1) foi confirmado por todos os testes experimentais até o momento. Nada no entanto nos garante que é este o modelo completo das interações fundamentais. Problemas teóricos como a hierarquia e o número de gerações de partículas permanecem sem solução no modelo padrão. Iremos trabalhar com a idéia de supersimetria, uma simetria que une partículas de spin inteiro com partículas de spin semi-inteiro. Apesar deste apelo teórico, nenhum experimento até hoje mostrou evidências de produção de partículas exóticas preditas pelas teorias supersimetricas. Iremos desenvolver o princípio da supersimetria aplicado a física de partículas para construir o modelo supersimétrico mínimo com a simetria SU(5) como um modelo para entendermos este mecanismo de supersimetria em teoria qüântiga de campos. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
LESSA, André Paniago. Supersimetria em fisica de particulas. 2007. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Física Gleb Wataghin.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.