Busca avançada
Ano de início
Entree

Modulacao da propionibacterium acnes e sua fracao polissacaridica soluvel sobre celulas dendriticas e linfocitos b1 em um modelo murino de hipersensibilidade tipo 1.

Processo: 04/10354-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Ieda Maria Longo Maugéri
Beneficiário:Carla Cristina Squaiella
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:04/08506-1 - Células B-1: origem, diferenciação e participação na inflamação, cicatrização e rejeição de enxerto, AP.TEM
Assunto(s):Células dendríticas   Imunomodulação   Propionibacterium acnes

Resumo

A administração de suspensão morta de Propionibacterium acnes (P. acnes) em animais e no homem induz diversos efeitos modulatórios sobre as células da resposta imune, tais como: aumento da atividade fagocítica, indução de atividade tumoricida, aumento da resistência de animais a infecções e efeito adjuvante sobre a resposta humoral. Os mecanismos envolvidos em tais efeitos parecem estar relacionados com a indução pela bactéria de síntese de citocinas, principalmente IL-12 e IL-18, o que levou à utilização da P. acnes como um indutor de resposta Th1. Por outro lado, nós observamos que, em modelo murino de hipersensibilidade tipo I semelhante à reação observada na asma alérgica humana, essa bactéria, dependendo do protocolo de tratamento dos animais, potencializou a resposta Th2 a ovoalbumina, um antígeno tipicamente Th2, ou modulou tal resposta para Th1, sendo que este último efeito também foi observado com a fração polissacarídica solúvel purificada extraída da bactéria. Esses mecanismos opostos de modulação parecem estar relacionados com a apresentação de antígeno, o que nos levou a formular os objetivos do presente projeto de investigar como a P. acnes e sua fração polissacarídica solúvel atuam sobre células dendríticas nesse modelo murino de hipersensibilidade tipo I, como também observar se existe a participação de outras células, tais como linfócitos B1, envolvidas nesse processo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SQUAIELLA-BAPTISTAO, CARLA CRISTINA; TEIXEIRA, DANIELA; MUSSALEM, JULIANA SEKERES; ISHIMURA, MAYARI EIKA; LONGO-MAUGERI, IEDA MARIA. Modulation of Th1/Th2 Immune Responses by Killed Propionibacterium acnes and Its Soluble Polysaccharide Fraction in a Type I Hypersensitivity Murine Model: Induction of Different Activation Status of Antigen-Presenting Cells. CLINICAL & DEVELOPMENTAL IMMUNOLOGY, 2015. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.