Busca avançada
Ano de início
Entree

Distribuicao e desenvolvimento do sistema radicular de cana-de-acucar avaliada pela tecnica da diluicao isotopica com 15n.

Processo: 03/03298-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2003
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Paulo Cesar Ocheuze Trivelin
Beneficiário:Carlos Eduardo Faroni
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Cana-de-açúcar   Sistema radicular

Resumo

O presente projeto de pesquisa tem por objetivo desenvolver, com o uso da técnica de diluição isotópica de 15N, um método de avaliação da distribuição e acúmulo de reservas nitrogenadas em raízes vivas e mortas da cana-de-açúcar no solo, associado a duas formas de amostragem: trincheira e tradagem. O experimento será desenvolvido em campo, em área comercial de cana-de-açúcar de primeira rebrota e colhida mecanicamente sem queima. Serão utilizados 2 cultivares de cana-de-açúcar, um precoce e um médio/tardio, a fim de se avaliar diferenças no desenvolvimento do sistema radicular, translocação e acúmulo de reservas na parte e subterrânea da cultura. O delineamento experimental será inteiramente casualizado com 4 repetições. Em cada parcela, será feita aplicação foliar de uma solução de uréia marcada com 15N, previamente à colheita de material. Será colhida a parte aérea e determinada a massa de material úmido e seco. A amostragem da parte subterrânea será realizada por tradagem e por trincheira (método padrão) e as amostras serão colhidas nas profundidades de 0-20, 20-40, 40-60 e 60-80 cm. As análises do teor de N e isotópica de 15N serão determinadas no espectrômetro de massas automatizado modelo ANCA SL da Europa Científica. Com o uso da técnica isotópica poderá se conhecer melhor o desenvolvimento, a distribuição e o acúmulo de N no sistema radicular da cana-de-açúcar, identificando e quantificando raízes vivas is mortas, em diferentes estádios de desenvolvimento da cultura, e estabelecendo possíveis relações com sua produtividade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)