Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese de nanopartículas de zircônia e nióbia a partir de peróxidos

Processo: 03/09318-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2004
Vigência (Término): 31 de julho de 2006
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Edson Roberto Leite
Beneficiário:Cristiane Vila
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/14324-0 - Multidisciplinary Center for Development of Ceramic Materials, AP.CEPID
Assunto(s):Zircônia   Nióbio   Peróxidos   Nanopartículas   Sinterização   Sonoquímica

Resumo

A zircônia (ZrO2) e a nióbia (Nb2O5) são óxidos de grande importância do ponto de vista tecnológico. Estes óxidos possuem aplicações variadas, desde sensor de oxigênio utilizados nas injeções eletrônicas dos carros mais modernos, como no caso da zircônia estabilizada com ítria, até utilização para proteção de materiais sensíveis a radiação ultravioleta, como a nióbia. Algumas das propriedades dos materiais estão intimamente relacionadas com o tamanho das partículas, os catalisadores são bons exemplos disto. Ou seja, quanto menor o tamanho da partícula do catalisador, maior a área superficial e, portanto, maior a possibilidade de interações entre a superfície do catalisador e a espécie de interesse. Desta maneira, temos por objetivo o desenvolvimento de métodos de síntese dos nanocristais de ZrO2 e Nb2O5 baseados na decomposição do peróxido de Zr e Nb. A zircônia será combinada com terras raras, a fim de que estes segreguem no contorno do grão, impedindo o crescimento dos grãos. Os óxidos obtidos serão compactados e sintetizados com o intuito de se obter corpos cerâmicos densos e com tamanho médio de grãos em escala nanométrica. A síntese será acompanhada por UV-visível e termogravimétrica. Os óxidos serão caracterizados por MET, DRX e Raman. E finalmente, os corpos cerâmicos sintetizados serão caracterizados por MEV, DRX e a densidade será calculada pelo método de Arquimedes. (AU)