Busca avançada
Ano de início
Entree

O circuito espacial produtivo de papel e celulose e o territorio brasileiro - o caso da veracel.

Processo: 04/11321-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:María Mónica Arroyo
Beneficiário:Carolina Joly Moreira
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Desenvolvimento regional   Globalização

Resumo

Esta pesquisa tem como amplo objetivo realizar uma leitura geográfica do atual uso do território brasileiro, como fruto do planejamento corporativo, implementado no país a partir da década de 90. A lógica seletiva deste planejamento de mercado, que faz uso das potenciais vantagens (sejam elas naturais, logísticas, fiscais, etc.), revela verdadeiras crises territoriais, instaladas, principalmente, nas localidades onde as grandes empresas exercem sua influência. O estudo dos circuitos espaciais produtivos é capaz de identificar estes conflitos no território, um dos circuitos potencialmente mais reveladores das atuais transformações no uso do território brasileiro é o de papel e celulose, pois vem, recentemente, ganhando posições na pauta de exportações do país, indicando fortes incentivos ao setor. Logo, o objetivo específico desta pesquisa consiste em, além de traçar um panorama atual do circuito no país, realizar também a investigação aprofundada das relações estabelecidas entre a empresa e a região onde ela se instala, podendo revelar a atuação de outras racionalidades no uso dessa porção do território. A análise empírica consiste na investigação das relações estabelecidas entre o território e a empresa Veracel, instalada em Eunápolis-BA, no ano de 2002. Ao estudar as solidariedades envolvidas entre a empresa e o poder público, busca-se investigar se o recente empreendimento traz mais perdas, ligadas à empregabilidade, à dependência fiscal municipal, a danos ambientais, etc. do que benefícios, como a melhoria das rodovias na região. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MOREIRA, Carolina Joly. Especialização produtiva do território e o circuito espacial produtivo de celulose em Eunápolis - BA. 2007. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.