Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da variabilidade sazonal da profundidade óptica do aerossol em São Paulo a partir de radiômetro MFRSR

Processo: 04/11553-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Márcia Akemi Yamasoe
Beneficiário:André Cozza Sayão
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Poluição atmosférica   Aerossóis   Radiação solar   Equipamentos de medição   Radiômetros   Sazonalidade   Mudança climática

Resumo

Um estudo da variabilidade temporal da profundidade óptica do aerossol em São Paulo será realizado em quatro regiões espectrais a partir de medições realizadas com um radiômetro do tipo MFRSR desde novembro de 1999. Observações de irradiância solar espectral direcional, efetuadas com instrumentos MFRSR têm sido analisadas de forma a estimar propriedades atmosféricas integradas acima do plano de observação, como a profundidade óptica do aerossol e o conteúdo atmosférico de vapor d'água, de ozônio e de dióxido de nitrogênio [Michalsky et al., 1995; Alexandrov et al., 2002a, 2002b]. No contexto deste projeto, as observações de irradiância solar direcional serão analisadas em termos de profundidade óptica do aerossol seguindo-se procedimentos clássicos no tema [Shaw, 1976,1983], ou seja, admitindo-se a validade da Lei de Beer, para regiões espectrais com largura da ordem de 10 nm e pouco influenciadas pela absorção gasosa. Este projeto pretende dar continuidade às atividades realizadas pelo estudante durante o desenvolvimento do projeto de Iniciação Científica com suporte financeiro dessa Fundação (processo FAPESP número 03/00799-7) desde agosto de 2003. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.