Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de reações de interesse astrofísico utilizando a Técnica do Cavalo de Tróia e a Técnica de Dissociação Coulombiana

Processo: 04/15367-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de junho de 2005
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física Nuclear
Pesquisador responsável:Marcelo Gameiro Munhoz
Beneficiário:Marcelo Gimenez Del Santo
Instituição-sede: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Astrofísica nuclear   Dissolução   Nucleossíntese

Resumo

O estudo de reações de interesse astrofísico são fundamentais para o entendimento do processo da nucleossíntese. A nucleossíntese primordial associada ao modelo padrão do big bang assume uma razão nêutron-proton homogênea. Porém, alguns estudos sobre a transição do plasma de quarks e glúons para a fase de hadrons trouxeram dúvidas sobre essa citada homogeneidade. A nucleossíntese em regiões ricas em nêutrons seria muito diferente que a prevista pelo modelo padrão e alguns modelos elaborados reproduzem com sucesso as abundâncias isotópicos primordiais observadas até o 7Li e sugerem que a nucleossíntese nessas regiões poderiam levar a quantidades significativas de isótopos com A > 12. A primeira experiência proposta é o estudo da reação p(10B,alpha)7Be utilizando o método do Cavalo de Tróia a partir da reação d(10B,alpha,7Be)n, a qual tem grande relevância para o entendimento da queima de Li, Be e B no interior das estrelas. A segunda experiência é o estudo da reação 12C(n,gama)13C por meio do método de dissociação coulombiana, que consiste em medir a reação inversa 13C(gama,n)12C, utilizando um alvo de 208Pb para gerar a quebra coulombiana. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTO, Marcelo Gimenez Del. Estudo de reações nucleares de interesse astrofísico utilizando o método do cavalo de tróia. 2009. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Física São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.