Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo molecular e da sinalização intracelular desencadeada pela estimulação do adrenoceptor alfa da glândula de veneno da serpente Bothrops jararaca

Processo: 03/01259-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2004
Vigência (Término): 31 de maio de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:Norma Yamanouye
Beneficiário:Celine Marie de Kerchove de Almeida Prado
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Transdução de sinais   Clonagem   Venenos de serpentes   Bothrops jararaca

Resumo

A inervação noradrenérgica participa de forma relevante nos processos de síntese e secreção de veneno em glândula de veneno da serpente Bothrops jararaca, sendo que a estimulação dos adrenoceptores alfa está envolvida em ambos os processos (Yamanouye et al., 1997). Dessa forma, tornou-se interessante a caracterização desses receptores para a compreensão da dinâmica da glândula de veneno. Os resultados obtidos durante o mestrado mostram que os adrenoceptores alfa de células secretoras da glândula de veneno da serpente Bothrops jararaca apresentam características farmacológicas diferentes dos adrenoceptores alfa de mamíferos. Todavia, estes receptores estão acoplados a um sistema de segundos mensageiros que envolve liberação de cálcio intracelular de estoques sensíveis à tapsigargina, via clássica de sinalização decorrente da estimulação dos adrenoceptores alfal associados à proteína Gq. Assim, em vista destas características atípicas dos adrenoceptores alfa de células secretoras da glândula de veneno, tornou-se interessante a clonagem destes receptores para uma melhor compreensão da relação estrutura-atividade, bem como para a análise evolutiva dos adrenoceptores alfa. Além disso, a clonagem desse receptor permitirá o estudo do processo de dessensibilização, alvo de grande interesse para os mecanismos de produção e secreção de veneno, e conseqüentemente para o conhecimento da glândula de veneno. (AU)