Busca avançada
Ano de início
Entree

Exposicao de trabalhadores a residuos deslocaveis de pesticidas, na reentrada na lavoura de algodao apos pulverizacao.

Processo: 04/12505-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2005
Vigência (Término): 31 de agosto de 2006
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Geraldo Papa
Beneficiário:Maurício Rotundo
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Assunto(s):Saúde ocupacional   Resíduos   Algodão

Resumo

O objetivo do trabalho é analisar as quantidades de resíduos deslocáveis de inseticidas aplicados na lavoura do algodão, com potencial de contaminação dos trabalhadores que entram em contato direto com as plantas ao reentrarem na lavoura após a pulverização, e estabelecer o período seguro de reentrada na lavoura. Serão aplicados inseticidas de diferentes grupos químicos de marcas comerciais e doses registrados para a cultura do algodão. Aos 3 minutos após a aplicação uma pessoa vestirá um conjunto de roupas feita de tecido de algodão cru, contendo uma calça, uma camisa de mangas longa e um par de luvas, que entrará na área tratada permanecendo na mesma por 10 minutos, caminhando e abrindo brácteas dos botões aleatoriamente, a fim de simular a amostragem de pragas na cultura. O procedimento será repetido aos 60 e 300 minutos e aos 1, 3, 5, e 10 dias após a aplicação. As amostras (roupas) serão armazenadas em freezer a temperatura de - 18° C, até o envio ao laboratório de análises de resíduos de pesticidas da Esalq/USP. Partes do tecido correspondentes ao local de contato com várias partes do corpo serão recortadas em três partes (repetição) e analisadas quanto a quantidade de resíduos presentes. Os resíduos dos defensivos serão extraídos com acetato de etila e a determinação quantitativa será feita por técnica de cromatografia em fase gasosa, usando-se cromatógrafo equipado com detector fotométrico de chama pulsante (PFPD) e de captura de elétrons (ECD). (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ROTUNDO, Maurício. Exposição dérmica de trabalhadores a resíduos de deltametrina presentes nas plantas, na reentrada na lavoura de algodão após pulverização. 2007. 130 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Engenharia (Campus de Ilha Solteira). Ilha Solteira.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.