Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao do copolimero de acido polilatico e poliglicolico no reparo osseo ao redor de implantes instalados em tibia de coleho. analise biomecanica, histometrica e imunoistoquimica.

Processo: 05/53706-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2005
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2006
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Pesquisador responsável:Eduardo Hochuli Vieira
Beneficiário:Thallita Pereira Queiroz
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Biomateriais   Regeneração óssea   Biomecânica   Implantes dentários   Matriz óssea

Resumo

A utilização de biomateriais em implantodontia, principalmente em casos onde o leito receptor do implante apresenta: qualidade e quantidade óssea inadequadas, é de grande importância e tem como uma das principais vantagens a não necessidade de uma segunda intervenção cirúrgica para sua remoção. A proposta deste estudo será avaliar a associação do copolímero de ácido polilático e poliglicólico (PLA/PGA) sobre o reparo, ósseo e a redenção biomecânica ao redor de implantes, bem como a expressão das proteínas OPG, OC, e colagem tipo 1 no processo de ossificação. Vinte coelhos adultos receberão 2 implantes de 3,75/ 7mn na porção medial da tíbia direita. O preparo do leito receptor será realizado seqüencialmente, até a fresa de 4.75 mm. Um defeito representará o grupo controle, o qual será preenchido apenas com o coágulo previamente à inserção do implante e,o outro o grupo tratado onde será associado o PLA/PÇSA previamente à instalação do implante. Os animais serão sacrificados nos períodos de 5,15, 40 e 60 dias pós-operatórios e será realizado teste biomecânico por meio de um torquímetro analógico. Em seguida, as peças serão reduzidas para processamento imunoistoquímico, sendo que a metade das amostras teciduais será corada por HE pata análise histométrica. A outra metade será utilizada para detecção das proteínas OPG, OC e colágeno, do tipo 1, pelo método da imunoperoxidase. Os dados obtidos para cada teste serão tabulados e as médias serão calculadas para posterior análise estatística. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
QUEIROZ, Thallita Pereira. Avaliação do copolímero de ácido polilático e poliglicólico ao redor de implantes osseointegráveis sem estabilidade primária : análise biomecânica, histométrica e imunoistoquímica em coelhos. 2006. 119 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba. Araçatuba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.