Busca avançada
Ano de início
Entree


Planejamento racional de inibidores da beta-secretase em mal de Alzheimer

Texto completo
Autor(es):
Evandro Pizeta Semighini
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: Ribeirão Preto.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto
Data de defesa:
Membros da banca:
Carlos Henrique Tomich de Paula da Silva; Fernando Batista da Costa; Laurent Emmanuel Dardenne; Flavio da Silva Emery; Carlos Alberto Montanari
Orientador: Carlos Henrique Tomich de Paula da Silva
Resumo

O Mal de Alzheimer é o maior causador de demência em idosos: acomete 10% da população mundial com idade em torno dos 65 anos e atinge cerca de 50% dos indivíduos com mais de 85 anos. A progressão dos sintomas da doença está associada a modificações estruturais nas sinapses colinérgicas em determinadas regiões cerebrais. A maior característica fisiopatológica do AD é a deposição de placas neuríticas extracelulares em áreas cerebrais relacionadas à memória, placas constituídas pelo peptídeo ?-amiloide 40/42, que é formado pela clivagem da Proteína Precursora Amiloide, durante seu metabolismo pela via amiloidogênica, que começa com a enzima ?-secretase. O objetivo do trabalho foi o planejamento e avaliação de novos inibidores de ?-secretase. Para isso, foram utilizadas diferentes técnicas de modelagem molecular e planejamento de moléculas, tendo como base os inibidores da ?-secretase descritos na literatura cujas estruturas estão depositadas no PDB. Posteriormente, foi realizada a avaliação in vitro da atividade inibitória de algumas destas moléculas, onde observou-se que três são capazes de satisfatoriamente inibir a atividade da ?-secretase na concentração de 1 µM. (AU)

Processo FAPESP: 08/10805-8 - Planejamento racional de inibidores da beta-secretase em Mal de Alzheimer
Beneficiário:Evandro Pizeta Semighini
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado Direto