Busca avançada
Ano de início
Entree


Condicionantes estruturais e contexto tectônico do \"alinhamento de Guapiara\"

Texto completo
Autor(es):
Delzio de Lima Machado Junior
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Geociências
Data de defesa:
Membros da banca:
Benjamim Bley de Brito Neves; Francisco José Fonseca Ferreira; Carlos Alberto Mendonça; Claudio Riccomini; Pedro Victor Zalán
Orientador: Benjamim Bley de Brito Neves
Resumo

Neste trabalho são apresentados os resultados de um estudo que integra análise estrutural, interpretação geofísica (aeromagnetometria e gravimetria), apoiado em geocronologia, sísmica marinha e interpretação tectônica, na área relativa ao \"Alinhamento de Guapiara\", no sudeste do Estado de São Paulo. Este alinhamento é caracterizado pela ocorrência de inúmeras anomalias magnéticas que refletem uma estruturação profunda, ao qual se associam diversos feixes de diques máficos e complexos alcalinos eocretácicos. Após a sua constituição como estrutura arqueada, no Paleozóico, apresentou comportamento neutro, com discreta tendência positiva até o final do Jurássico, quando sofreu vigoroso evento de reativação tectono-magmática por ocasião da abertura do sul do Continente Gondwana, com a conseqüente separação América do Sul-África. A principal implicação da estruturação que se implantou foi a criação de zonas preferenciais de fraqueza, que foram reativadas no Terciário, através de tectônica transtencional, possivelmente no Mioceno. Com isso, desenvolveu-se uma bacia de sedimentação terciária formada por um conjunto de depressões tectônicas, situados na região do Baixo rio Ribeira de Iguape e na plataforma costeira adjacente, configurando a Planície Costeira Cananéia-Iguape. (AU)

Processo FAPESP: 99/01211-6 - Ativação tectônica no alinhamento estrutural de Guapiara
Beneficiário:Delzio de Lima Machado Junior
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado