Busca avançada
Ano de início
Entree


Nos subsolos de uma rede : sobre o ideológico no âmago do técnico

Autor(es):
Vitor Pequeno
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas
Data de defesa:
Membros da banca:
Rafael de Almeida Evangelista; Verli Fátima Petri da Silveira
Orientador: Cristiane Pereira Dias
Resumo

Essa pesquisa centrou suas investigações sobre as redes de relacionamento como dispositivos tecnológicos de comunicação e estabelecimento das relações sociais. Por meio da apropriação e aplicação de diversos dispositivos teóricos da teoria discursiva e do materialismo histórico, buscou analisar aspectos técnicos dessas redes como produções de cunho ideológico, desconstruindo as formulações de sujeito, relação social e circulação do sentido implícitas em sua estruturação. Essa pesquisa também se apoiou fortemente no método filosófico de Jean Baudrillard para repensar certas operações nocionais de dualização, principalmente no caso de online e off-line, e sua relevância, tanto epistêmica, quanto social, na contemporaneidade. Nos apropriamos aqui da noção de Arquivo como princípio ideológico de circulação do sentido, e desenvolvemos a noção de clivagens subterrâneas, que Pêcheux sugere em Ler o Arquivo Hoje (1982). Apesar da intensa heterogeneidade possibilitada pela materialidade do online, o que de predominante que acabamos por encontrar na estrutura técnica das redes de relacionamento foi a forma-histórica do capitalismo contemporâneo, estruturando as relações sociais, e a própria constituição da subjetividade, através do que acabamos por categorizar como relações de consumo. (AU)

Processo FAPESP: 13/05578-0 - A noção de clivagens subterrâneas e as redes de relacionamento: uma exploração de gestos de leitura e materialidades discursivas
Beneficiário:Vitor Pequeno
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado