Busca avançada
Ano de início
Entree


Agrobiodiversidade e conservação ex situ : reflexões sobre conceitos e práticas a partir do caso da Embrapa/Brasil

Autor(es):
Laura Rodrigues Santonieri
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Data de defesa:
Membros da banca:
Nádia Farage; Pedro Peixoto Ferreira; Stelio Alessandro Marras
Orientador: Laure Emperaire
Resumo

O trabalho trata da interface entre sistemas agrícolas tradicionais, as instituições públicas de pesquisa e as políticas científicas que operam sobre a diversidade agrícola do país. O objetivo é entender como é que esses diferentes processos de intervenção na natureza se relacionam, às vezes de maneira conflitiva. Buscamos apreender a dinâmica desse relacionamento conflitivo partir do estudo etnográfico de instituições, no espírito da Antropologia da Ciência. Para este fim, foi realizado um estudo de caso na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária/EMBRAPA, importante instituição nacional que detem coleções de plantas representativas da diversidade agrícola do país. Por meio da análise do processo de constituição da política mundial de conservação ex situ e de sua relação com as atividades de conservação desenvolvidas pela instituição brasileira, buscou-se problematizar o conceito de conservação mobilizado pela ciência agronômica. Com a reflexão sobre a produção e a circulação de variedades de Manihot Esculenta Crantz entre diferentes sistemas agrícolas, visamos contribuir para a discussão sobre o papel desses sistemas para a produção e a conservação da agrobiodiversidade no Brasil, bem como sobre sua importância para o combate ao crescente processo de erosão genética vegetal. (AU)

Processo FAPESP: 08/50022-2 - Agrobiodiversidade: uma etnografia de coleções e de instituições
Beneficiário:Laura Rodrigues Santonieri
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado