Busca avançada
Ano de início
Entree


Coriandrum sativum L. (coriander) essential oil : antifungal activity and mode of action on Candida spp., and molecular targets affected in the human whole whole-genome expression = Atividade antifúngica e modo de ação do óleo essencial de Coriandrum sativum L. (coentro) sobre Candida spp. e alvos moleculares afetados na expressão do genoma humano

Autor(es):
Irlan de Almeida Freires
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Odontologia de Piracicaba
Data de defesa:
Membros da banca:
Severino Matias de Alencar; Bruno Bueno Silva
Orientador: Pedro Luiz Rosalen
Resumo

Introdução: A candidíase oral é uma infecção fúngica oportunista da cavidade oral, cujas taxas de prevalência e incidência vêm aumentando significativamente em todo o mundo. Assim, novas estratégias orientadas para gerir esta doença têm sido propostas, dentre as quais está o uso de óleos essenciais (OE) com propriedades antifúngicas. Evidências indicam que o OE de Coriandrum sativum L. (coentro) é um forte agente antifúngico contra Candida e, portanto, investigações devem dar continuidade ao conhecimento gerado. Objetivo: Este estudo buscou avaliar a atividade antifúngica e modo de ação do OE de C. sativum sobre Candida spp., e determinar os alvos moleculares afetados na expressão global do genoma humano. Material e Métodos: C. sativum foi obtido a partir do Banco de Germoplasmas do Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (Universidade Estadual de Campinas, SP, Brasil) cujo OE e fração ativa tiveram o perfil fitoquímico determinado por cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massa. Posteriormente, foram realizados testes com cinco cepas de referência de Candida: Determinação da Concentração Inibitória e Fungicida Mínima (CIM/CFM); modo de ação antifúngica (ensaio do sorbitol e ergosterol); Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) de biofilmes de Candida e testes de inibição de aderência em biofilme. Utilizou-se nistatina, anfotericina B ou caspofungina como controles positivos, além de controles negativos. Também, foi testado o efeito do OE sobre a atividade proteolítica de C. albicans. Por fim, um ensaio de farmacogenômica identificou quais alvos moleculares no genoma humano foram afetados pelo OE e fração ativa de C. sativum. Os testes foram realizados em triplicata de experimentos independentes e os dados foram tratados estatisticamente (ANOVA, pós-teste de Tukey, ?=0,05). Os dados da análise farmacogenômica foram processados nas plataformas GeneGo MetaCore® e David Bioinformatics Resources. Resultados: O perfil fitoquímico EO indicou monoterpenos (37,9%) e sesquiterpenos (62,1%) como compostos principais. Os valores de CIM/CFM para o OE variaram de 15,6 a 62,5 µg/mL. Quanto ao modo de ação, o OE de C. sativum parece se ligar ao ergosterol da membrana celular fúngica, aumentando a permeabilidade iônica e causando morte celular; entretanto, o OE não atua sobre vias de biossíntese da parede celular. Estes achados confirmam as alterações na integridade da morfologia do biofilme verificadas nas análises por MEV. Além disso, o OE apresentou atividade antiaderente em biofilme em baixas concentrações (15,6-62,5 µg/mL) contra as cepas testadas, bem como atividade contra proteases produzidas por C. albicans, sendo estatisticamente significante na CIM (p<0,05). Finalmente, o OE e sua fração ativa apresentaram baixa citotoxicidade em células humanas com CI30 de 359,8 e 366,7 µg/mL, respectivamente. As principais vias afetadas estão relacionadas com quimiocinas e MAP-quinase (apoptose, proliferação) bem como proteínas de adesão. Conclusões: O OE das folhas de C. sativum tem forte atividade antifúngica e antiaderente sobre Candida spp. e atividade anti-proteolítica sobre C. albicans, e atua aumentando a permeabilidade iônica da membrana celular, provavelmente devido ao efeito sinérgico de mono e sesquiterpenos. Análise farmacogenômica indicou baixa citotoxicidade do OE e sua fração ativa com alvos moleculares específicos afetados no genoma humano, o que incentiva o desenvolvimento de novas pesquisas pré-clínicas toxicológicas e clínicas nesta área. (AU)

Processo FAPESP: 11/15984-0 - Avaliação da atividade anti-Candida, antiproliferativa e citotóxica do óleo essencial e frações de Coriandrum sativum L.
Beneficiário:Irlan de Almeida Freires
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado