Busca avançada
Ano de início
Entree


Analise filogenetica de isolados autoctones do virus respiratorio sincicial bovino (BRSV) e aprimoramento de um modelo experimental em camundongos

Autor(es):
Fernando Rosado Spilki
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Biologia
Data de defesa:
Membros da banca:
Edel Figueiredo Barbosa Stancioli; Paulo Michel Roehe; Marcelo Brocchi; Maria Silvia Viccari Gatti
Orientador: Clarice Weis Arns
Resumo

O Vírus Respiratório Sincicial Bovino (BRSV) é uma causa importante de doença respiratória em bovinos. O BRSV é um membro da família Paramyxoviridae, subfamília Pneumovirinae, pertencendo ao gênero Pneumovirus. Nos últimos quinze anos, evidências sorológicas e de isolamento do vírus revelaram que o BRSV está circulando no Brasil, causando doença clinicamente evidente ou formas subclínicas da infecção. Na primeira parte do presente trabalho, seis diferentes linhagens celulares foram examinadas quanto a sua susceptibilidade à infecção pelo BRSV, levando em conta a variabilidade entre diferentes isolados e características de crescimento do vírus. Chicken embryo related cells (CER), e células CRIB (MDBK-resistentes à infecção pelo Vírus da Diarréia Viral Bovina, BVDV) foram as mais apropriadas à multiplicação do vírus. Ambas as linhagens permitiram o cultivo do vírus em títulos de até 105,5 DICC50 (Doses Infectantes para 50% dos Cultivos Celulares por 100 IlL)...Observação: O resumo, na íntegra poderá ser visualizado no texto completo da tese digital (AU)

Processo FAPESP: 04/00031-4 - Análise de patogenicidade e de possíveis propriedades vacinais de amostras brasileiras do vírus respiratório sincicial bovino
Beneficiário:Fernando Rosado Spilki
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado