Busca avançada
Ano de início
Entree


Potencial de resíduos agroindustriais como fontes de compostos bioativos

Texto completo
Autor(es):
Ana Carolina da Silva
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Instituição: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas.
Data de defesa:
Membros da banca:
Sabria Aued-Pimentel; Selma Sanches Dovichi; Agdamar Affini Sufredin; Débora Maria Moreno Luzia
Orientador: Neuza Jorge
Resumo

O Brasil é rico em espécies frutíferas tropicais nativas ou exóticas de grande potencial agroindustrial. Diariamente, um grande volume de resíduos de frutos é gerado pela agroindústria, e os mesmos, na maioria das vezes, têm uso limitado somente para a indústria de rações animais ou para o descarte no meio ambiente, causando sérios danos ambientais. Entretanto, estes resíduos apresentam elevado potencial, pois, além de possuírem carboidratos, vitaminas e sais minerais, são ricos em fração indigerível e outros compostos com propriedades funcionais. Este trabalho teve como objetivo estudar os óleos extraídos de sementes provenientes dos resíduos agroindustriais a fim de identificar compostos bioativos e capacidades antioxidantes de compostos associados. As sementes de abóbora (Cucurbita moschata), cidra (Citrus medica L.), goiaba (Psidium guajava L.), graviola (Anona muricata L.), kinkan (Fortunella margarita Swingle), laranja (Citrus sinensis L. osbeck), maçã (Mallus domestica Borkh), mamão (Carica papaya L.), manga (Mangifera indica L.), mangaba (Hancornia speciosa var. pubescens), maracujá (Passiflora adulis Sims), melão (Cucumis melo var. inodorus Naudin), morango (Fragaria x ananassa Duchesne), tomate (Solanum Lycopersicum) e uva (Vitis labrusca L.) foram separadas dos resíduos, lavadas, secas em estufa a 40°C por períodos que variaram de 1 a 7 dias, trituradas e os óleos obtidos pelo método de Bligh & Dyer. Nos óleos das sementes foram realizadas determinações do perfil de ácidos graxos, composição teórica de triacilgliceróis, composições de tocoferóis, de fitosteróis e de compostos fenólicos, carotenoides totais, matéria insaponificável, medida da estabilidade oxidativa, além dos ensaios de capacidade antioxidante pelos métodos de DPPH•, ABTS•+, FRAP e β-caroteno/ácido linoleico. Os resultados foram submetidos às análises de variância e testes de Tukey, ao nível de 5% de... (AU)

Processo FAPESP: 12/24296-3 - Composição e variação espacial na estrutura das comunidades parasitárias de Leporinus obtusidens, Leporinus elongatus e Leporinus copelandii (Anostomatidae) de Três Rios da bacia do Rio Grande nos Estados de São Paulo e Minas Gerais
Beneficiário:Ana Carolina da Silva
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado