Busca avançada
Ano de início
Entree


Cinética de cristalização de mulita pelo método de Avrami, utilizando nucleação controlada

Texto completo
Autor(es):
Campos, André Luiz
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São José dos Campos. [2002]. 114 f., gráficos, ilustrações, tabelas.
Instituição: Brasil. Ministério da Defesa. Centro Técnico Aeroespacial (CTA). Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)
Data de defesa:
Membros da banca:
Thim, Gilmar Patrocínio; Oliveira, Maria Auxiliadora Silva; Brunelli, Deborah Dibbern
Orientador: Thim, Gilmar Patrocínio
Área do conhecimento: Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica
Indexada em: Base Digital de Teses - ITA
Localização: Instituto Tecnológico de Aeronáutica. Biblioteca Central; T541.124(043); C198c
Resumo

Neste trabalho é realizado um estudo do processo cinético de cristalização de mulita, utilizando-se um xerogel contendo íons de alumínio e silício na composição estequiométrica de mulita (3Al2O3.2SiO2). Na solução precursora do xerogel são adicionados núcleos de mulita, obtidos pela mesma metodologia de síntese, que atuam como agentes de crescimento da nova fase. O estudo cinético é realizado utilizando-se método não isotérmico baseado na teoria desenvolvida por Johnson-Mehl-Avrami-Kolmogorov (JMAK) e na lei de Arrhenius. São determinados o expoente de Avrami e a energia de ativação do processo de cristalização de mulita. Os valores experimentais referentes à fração de mulita cristalizada em função do tempo são determinados por Análise Térmica Diferencial (DTA). A análise da evolução de fases cristalinas é acompanhada através de Difração de Raios-X (DRX). A caracterização das sementes de mulita utilizadas como núcleos da nova fase é realizada através de Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e por DRX. Os valores de energia de ativação obtidos para a cristalização de mulita ortorrômbica no xerogel nucleado e no xerogel não nucleado são de 9,95±0,37 x102 kJ/mol e 9,86±1,21 x102 kJ/mol, respectivamente. O expoente de Avrami, calculado para o xerogel nucleado e para o xerogel não nucleado, apresenta valor próximo de dois para ambos os casos. (AU)

Processo FAPESP: 00/01683-4 - Cinética de cristalização de mulita pelo método de Avrami utilizando nucleação controlada
Beneficiário:André Luiz Campos
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado