Busca avançada
Ano de início
Entree


Memória de um projeto moderno: a idealização e a trajetória do Edifício Esther

Autor(es):
Atique, Fernando
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Carlos. [2002]. 389 f., ilustrações, mapas, tabelas.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos
Data de defesa:
Orientador: Correia, Telma de Barros
Área do conhecimento: Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo
Indexada em: Banco de Dados Bibliográficos da USP-DEDALUS
Localização: Universidade de São Paulo. Biblioteca da Escola de Engenharia de São Carlos; EESC/TESE 0541
Resumo

Estuda a idealização, a trajetória, as representações e as atitudes de preservação do Edíficio Esther - ícone da arquitetura moderna no Brasil -, construído na cidade de São Paulo, segundo projeto dos arqutietos cariocas Álvaro Vital Brazil e Adhemar Marinho, durante a década de 1930. Analisa as atividades desenvolvidas pela família Nogueira, empreendedora do edíficio, elaborando a partir de suas ações, uma narrativa sobre a atuação dos promotores privados na formação das cidades e na arquitetura do estado de São Paulo. Investiga a introdução da modalidade de habitação em edifícios de apartamentos, verificando no espaço construído do Edifício Esther, suas configuarações e matrizes. Aborda a visão dos usuários e moradores, tecendo uma narrativa sobre o espaço arquitetônico a partir desses pontos de vista. Averigua a gestão do prédio mediante o estudo da ação da Socidade Predial Esther, firma ligada aos empreendedores do edifício, verificando sua atuação na cunhagem de parâmetros normativos da vida doméstica de seus moradores. Analise as posturas de preservação do Esther, desde seu tombamento pelo órgãos públicos de patrimônio em São Paulo - SEMPLA, DPH e CONDEPHAAT - até o início da elaboração de seu projeto de reabilitação e restauro, em 2000. (AU)

Processo FAPESP: 00/01704-1 - Memória de um projeto moderno: a idealização e a trajetória do edifício esther
Beneficiário:Fernando Atique
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado