Busca avançada
Ano de início
Entree


Confissões e ficções de um antropologo : etnografia dos pregadores da Praça da Se

Autor(es):
Delcides Marques
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Data de defesa:
Membros da banca:
Jorge Luiz Mattar Villela; Maria Suely Kofes
Orientador: Ronaldo Romulo Machado de Almeida
Resumo

Trata-se de uma etnografia da pregação pentecostal afetada pela confissão e memória da experiência pentecostal do antropólogo durante o trabalho de campo e escrita do texto. Da conversão à antropologia se fez a confissão da conversão anterior. É uma pesquisa sobre as condições de possibilidade de uma etnografia afetada, tendo em vista a pregação pentecostal na Praça da Sé, centro de São Paulo. Há uma preocupação com a compreensão de tal culto, de modo que o trabalho se apresenta como uma ficção tanto acerca dos discursos-práticas que constituem a pregação na Sé como das interações entre antropólogo e pregador no exercício de suas respectivas atividades (AU)

Processo FAPESP: 07/52280-6 - Deus e o diabo na praca da fe, ou: uma etnografia da dinamica dos pregadores pentecostais da praca da se em sao paulo.
Beneficiário:Delcides Marques
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado