Busca avançada
Ano de início
Entree


Extração de oleos volateis e outros compostos com CO2 supercritico : desenvolvimento de uma metodologia de aumento de escala a partir da modelagem matematica do processo e avaliação dos extratos obtidos

Autor(es):
Julian Martinez
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Engenharia de Alimentos
Data de defesa:
Membros da banca:
Fernando Antonio Cabral; Luiz Antonio Viotto; Marili Villa Nova Rodrigues; Reginaldo Guirardello; Eloise Cedro Fernandes
Orientador: Maria Angela de Almeida Meireles
Resumo

A obtenção de extratos de matérias-primas vegetais com tecnologia supercrítica foi estudada, visando otimizar o processo e a qualidade dos produtos. Três plantas foram submetidas a processos de extração com dióxido de carbono supercrítico: cravo-da-índia, pimenta-longa e vetiver. Os rendimentos e composições dos produtos obtidos por extração supercrítica foram comparados aos de métodos convencionais como hidrodestilação e extração com solventes orgânicos. Na extração supercrítica e com solvente orgânico os rendimentos foram maiores que na hidrodestilação, pois estes métodos possibilitam a obtenção de compostos não voláteis e hidrofóbicos. A cinética de extração supercrítica foi estudada, visando o estabelecimento de metodologias para o aumento de escala: mantendo constantes algumas relações e parâmetros de processo, procurou-se reproduzir em escala maior curvas de extração obtidas em coluna de 5 mL. Mantendo o tempo de residência constante, o aumento de escala foi obtido com sucesso para a extração de óleo de cravo-da-índia. Para a pimenta-longa e o vetiver, alguns problemas operacionais não permitiram a análise das tentativas de aumento de escala. Para os extratos de vetiver, um trabalho de valorização por transformações químicas foi realizado, e possibilitou um aumento na qualidade do óleo de vetiver de origem brasileira para aplicação na indústria de perfumes. Esta qualidade foi comprovada através de análise química e sensorial. Algumas técnicas de pré-tratamento das raízes de vetiver foram testadas visando o aumento do rendimento na hidrodestilação, mas este aumento não foi observado. (AU)

Processo FAPESP: 01/14602-5 - Avaliação do óleo essencial de vetiver (vetiveria zizanioides) em função das metodologias e condições de extração
Beneficiário:Julian Martínez
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado