Busca avançada
Ano de início
Entree


Supersimetria em fisica de particulas

Autor(es):
Andre Paniago Lessa
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Física Gleb Wataghin
Data de defesa:
Membros da banca:
Marcelo Moraes Guzzo; Oscar Jose Pinto Eboli
Orientador: Orlando Luis Goulart Peres
Resumo

O modelo padrão das partículas elementares, baseado na invariância de Lorentz e na simetria de gauge SU(3)c Ä SU(2)L Ä U(1)Y, foi confirmado por todos os testes experimentais até o momento. No entanto, nada nos garante que é este o modelo final das interações fundamentais. Problemas teóricos como a hierarquia, o número de gerações de partículas e a assimetria bariônica e alguns dados experimentais (neutrinos massivos, matéria e energia escura) sugerem a necessidade de física além do Modelo Padrão (SM). Alguns destes problemas são resolvidos em uma importante classe de modelos, que assumem a existência de simetrias espaciais adicionais, chamada de supersimetria. A proposta deste projeto é estudar a idéia de supersimetria e sua possível relevância para a física além do Modelo Padrão. Para entendermos o princípio da supersimetria, iremos construir o Modelo Padrão Supersimétrico Mínimo (MSSM) e apresentar algumas de suas conseqüências fenomenológicas. Também serão apresentados os modelos mSUGRA e mGMSB, assim como algumas de suas principais características. Em Anexo apresentaremos algumas informações complementares, além de um trabalho desenvolvido em paralelo com o projeto de Mestrado (AU)

Processo FAPESP: 04/10686-8 - Supersimetria em física de partículas
Beneficiário:André Paniago Lessa
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado