Busca avançada
Ano de início
Entree


Efeito do interferon-gamma sobre defeitos de \splicing\ que levam à doença granulomatosa crônica ligada ao cromossomo X.

Texto completo
Autor(es):
Josias Brito Frazão
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas (ICB/SDI)
Data de defesa:
Membros da banca:
Antonio Condino Neto; Anete Sevciovic Grumach; Sonia Jancar Negro
Orientador: Antonio Condino Neto
Resumo

Os fagócitos contêm uma nicotinamida adenina dinucleotídeo fosfato (NADPH) oxidase associada à membrana, que gera superóxido e outros reativos intermediários do oxigênio. Defeitos nesta oxidase em seres humanos resultam na doença granulomatosa crônica (DGC). Mutações próximas aos sítios de splicing que interferem com o processamento do RNA mensageiro, acarretando deleção de um ou mais exons, são cada vez mais freqüentes na literatura científica, nesses casos, os mecanismos moleculares que levam a DGC nem sempre são totalmente esclarecidos, assim como o efeito do IFN-g, seja sobre o processamento da mensagem ou estabilidade dos transcritos. Com base nessas informações o objetivo geral deste trabalho é investigar o efeito do IFN-g sobre a regulação do sistema NADPH oxidase fagocítico humano. Através dos resultados obtidos, não se pode constatar melhora na produção de ânions superóxido após o tratamento com IFN-g em pacientes com defeito de splicing, no entanto detectou-se aumento da expressão do gene CYBB através de PCR convencional e através de real-time PCR além de um aumento na marcação de proteínas do spliceossoma através do FAN. (AU)

Processo FAPESP: 06/51005-9 - Efeito do interferon-gama sobre defeitos de "splicing" que levam a doenca granulomatosa cronica ligada ao cromossomo x.
Beneficiário:Josias Soares de Brito
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado