Busca avançada
Ano de início
Entree


Os advérbios focalizadores no português falado do Brasil : uma abordagem funcionalista

Texto completo
Autor(es):
Edson Rosa Francisco de Souza
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São José do Rio Preto. 174 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista. Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas.
Data de defesa:
Membros da banca:
Mariangela Rios de Oliveira; Erotilde Goreti Pezatti
Orientador: Marize Mattos Dall'Aglio Hattnher
Resumo

O presente trabalho tem por objetivo descrever, de acordo com a perspectiva funcionalista, o comportamento dos advérbios focalizadores (principalmente, exatamente, justamente, também, só, etc.) e a sua co-ocorrência com outras estratégias de marcação de foco, tais como a ordem especial de constituintes, a construção clivada e a proeminência prosódica, no português falado do Brasil. Centrando o interesse nos efeitos comunicativos produzidos pelos advérbios focalizadores, são analisadas as propriedades sintático-semânticas, pragmáticas e prosódicas atreladas ao uso desses mecanismos no português. A análise dos dados demonstrou que os advérbios focalizadores (AdvFs) constituem a principal estratégia utilizada pelo falante para focalizar um constituinte da oração, sem que para isso seja necessário alterar sua ordem para acomodar a Função Pragmática Foco. Demonstrou-se, também, que o Foco no PB, em geral, recai sobre um único constituinte da oração (complemento verbal, predicador, adjunto adverbial, etc.). Quanto à co-ocorrência dos AdvFs com outras estratégias de focalização, verificou-se que o falante, na busca por clareza ao elaborar a expressão lingüística, utiliza-se de duas ou mais estratégias para focalizar um mesmo constituinte da oração. O universo de investigação é constituído por inquéritos do corpus mínimo do Projeto de Gramática do Português Falado (PGPF). (AU)

Processo FAPESP: 02/12621-5 - Os adverbios focalizadores no portugues falado do brasil: uma abordagem funcionalista.
Beneficiário:Edson Rosa Francisco de Souza
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado