Busca avançada
Ano de início
Entree


Estudo diacrônico do uso das preposições : documentos latino-portugueses e português paulista moderno

Texto completo
Autor(es):
Kelly Cristina Tannihão
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: Araraquara. 123 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciencias e Letras (Campus de Araraquara).
Data de defesa:
Membros da banca:
Bruno Vinícius Gonçalves Vieira; Verena Kewitz
Orientador: Rosane de Andrade Berlinck; João Batista Toledo Prado
Resumo

Partindo da concepção de que as línguas não constituem realidades estáticas, a presente pesquisa trabalha com duas sincronias linguísticas, focalizando as mudanças morfossintáticas sofridas pelo sistema das preposições, de forma a identificar convergências entre essas variedades linguísticas. A primeira sincronia é um estágio do processo de evolução do sistema latino. Para isso, é utilizada a coleção de documentos e textos medievais intitulada Portugaliae Monumenta Historica, que datam do século VIII ao século XV. A coleção consta de quatro partes, das quais se trabalha com uma amostragem dos fascículos 1, 3 e 5 da parte intitulada Leges et Consuetudines. O material estudado abrange as cartas constitutivas dos municípios, ou forais, e foi publicado entre 1856-1868. Nessa sincronia, as preposições analisadas são: ad, cum, de e in. Para a outra sincronia, trabalha-se com um córpus de redações escritas por estudantes que estejam concluindo ou que tenham concluído o ensino médio na rede paulista de ensino, especificamente nas cidades de Ribeirão Preto, Rio Claro e Itirapina. Para o estudo dessa sincronia, as preposições analisadas são: a, com, de, em, para e por, que constituem as preposições mais gramaticalizadas no português. Considera-se que há diglossia nas duas sincronias: na primeira, por haver uma língua usada na fala e outra na escrita; e, na segunda, por haver uma variedade falada e outra escrita; ou seja, são utilizadas variedades diferentes, sendo que a forma representada pela escrita das duas sincronias é aprendida com a educação formal. Os objetivos do trabalho são: (i) fazer um estudo do uso do emprego das preposições e dos casos regidos por elas em um estágio tardio do sistema latino; (ii) analisar o português paulista moderno, considerando o comportamento das preposições, dando ênfase a seu apagamento em determinadas funções... (AU)

Processo FAPESP: 09/04333-9 - Estudo diacrônico do uso das preposições: documentos latino-portugueses e português paulista moderno
Beneficiário:Kelly Cristina Tannihão
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado