Busca avançada
Ano de início
Entree


Plutella xylostella : variabilidade populacional e suscetibilidade a Beauveria bassiana e a nematoides entomopatogênicos

Texto completo
Autor(es):
João Rafael De Conte Carvalho de Alencar
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Instituição: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (Campus de Jaboticabal)
Data de defesa:
Membros da banca:
Antônio Carlos Busoli; Luís Garrigós Leite
Orientador: Ricardo Antonio Polanczyk; Sérgio Antônio De Bortoli
Resumo

O isolamento geográfico de populações de uma mesma espécie de inseto pode resultar em alterações fisiológicas, originando populações com suscetibilidade diferente às diversas táticas de controle. Plutella xylostella, a traça-das-crucíferas é uma praga cosmopolita específica das Brassicaceaes, apresentando problemas de resistência à inseticidas químicos e biológicos. O objetivo deste trabalho foi determinar a influência da variabilidade populacional da traça-das-crucíferas na eficiência das táticas de controle com micro-organismos entomopatogênicos. Foram utilizados os métodos de sequenciamento do gene COI e ISSR-PCR para aferir a variabilidade populacional entre quatro populações da praga, e estudou-se a suscetibilidade delas às táticas de controle com o fungo entomopatogênico Beauveria bassiana (20 isolados), nematoides entomopatogênicos (quatro espécies) e bactérias simbiontes de nematoides entomopatogênicos (dez isolados), avaliando-se o consumo foliar, a multiplicação do entomopatógeno no hospedeiro e estudando os aspectos biológicos em busca de efeitos subletais. . Foram selecionados seis isolados de B. bassiana e as quatro espécies de nematoides, pois foram as mais virulentas à praga. As populações são distintas devido sua variabilidade e isso resulta em diferenças no desenvolvimento de insetos que sobrevivem a aplicação dos entomopatógenos, inclusive na virulência de Steinernema brazilense sobre a população de Jaboticabal. Foi constatada também a redução de consumo foliar nos tratamentos com os entomopatógenos (AU)

Processo FAPESP: 10/13236-4 - Plutella xylostella: variabilidade populacional e suscetibilidade à Beauveria bassiana e nematoides entomopatogênicos
Beneficiário:João Rafael de Conte Carvalho de Alencar
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado