Busca avançada
Ano de início
Entree


Avaliação imunoistoquímica dos receptores de progesterona (Isoformas A e B), estrógeno α e β, hormônio luteinizante e αdas enzimas aromatase citocromo P450 e caspase-3 no corpo lúteo de vacas Nelore(Bos taurus indicus) durante o ciclo estral

Autor(es):
Ian Martin
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: Botucatu. 117 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia.
Orientador: João Carlos Pinheiro Ferreira
Resumo

O objetivo do presente estudo foi a avaliação imunoistoquímica dos receptores de progesterona (isoformas A e B), estrógeno α e β, hormônio luteinizante e das enzimas aromatase citocromo P450 e caspase-3 no corpo lúteo de vacas Nelore (Bos taurus indicus) durante o ciclo estral. Para tanto, foram utilizadas 16 vacas Nelore P.O. (Bos taurus indicus) as quais foram submetidas à sincronização do ciclo estral para a realização da colheita de fragmentos luteais por meio de uma incisão no fórnix em dias pré-determinados do ciclo estral (dias 6, 10, 15 e 18 e 24 horas após a observação da diminuição da concentração plasmática de progesterona a valores menores que 1 ng/mL, ou seja, após a luteólise). Após cada colheita, todas as fêmeas foram ressincronizadas de forma que cada colheita foi realizada em um ciclo estral. De acordo com os resultados deste estudo foi possível observar uma variação na concentração dos receptores e das enzimas propostas ao longo do ciclo estral bovino. As maiores contagens dos núcleos positivos para os receptores de estrógeno α e β e as maiores concentrações plasmáticas de progesterona foram observados nos dias 10 e 15 do ciclo estral; as maiores contagens dos núcleos positivos para o receptor de progesterona foram observadas nos dias 6 e 10 do ciclo estral; a maior intensidade de marcação para a enzima aromatase e a maior contagem de núcleos fortemente positivos para a caspase-3 foram observadas no dia 10 do ciclo estral e o maior escore representativo do número de células com a membrana plasmática marcada para o receptor de LH foi observada no dia 15 do ciclo estral. Dessa forma, foi demonstrada uma regulação destas variáveis no corpo lúteo de vacas Nelore ao longo do ciclo estral, evidenciando a importância desses receptores e enzimas e a interação dos mesmos na regulação da viabilidade luteal. (AU)

Processo FAPESP: 05/53149-5 - Expressão dos receptores genômicos de progesterona, estrógeno, andrógeno, DP hormônio luteinizante (LH) e das enzimas aromatase ímãs aromatase Citocromo P450 e caspase-3 no corpo lúteo de vacas
Beneficiário:Ian Martin
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado