Busca avançada
Ano de início
Entree

MÉTODO DE DETERMINAÇÃO DIRETA DE PARACETAMOL EM AMOSTRAS FARMACÊUTICAS PULVERIZADAS POR ESPECTROSCOPIA DE FLUORESCÊNCIA

Tipo de documento:Patente
Inventor(es): Iara Lúcia Tescarollo Dias; Lauro Tatsuo Kubota; Altair Benedito Moreira; Elias Ayres Guidetti Zagatto; Teresa Dib Zambon Atvars
Depositante: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Data do depósito: 29 de setembro de 2005
Registro INPI:
PI0504496-0 - Consulta INPI
IPC: G01N 21/64
Resumo

MÉTODO DE DETERMINAÇÃO DIRETA DE PARACETAMOL EM AMOSTRAS FARMACÊUTICAS PULVERIZADAS POR ESPECTROSCOPIA DE FLUORESCÊNCIA se refere à demonstração da fluorescência do paracetamol (PA) no estado sólido e ao desenvolvimento e otimização de uma metodologia para a determinação deste composto em matriz sólida por espectroscopia de fluorescência, sem pré-tratamento da amostra empregando fibra óptica como condutor de radiação; as medidas são realizadas diretamente sobre a amostra pulverizada, contendo a substancia ativa (PA) diluída com os excipientes lactose, amido de milho, talco, polivinilpirrolidona e ácido esteárico; os máximos de excitação e emissão ocorrem em 333 e em 382 nm, respectivamente, e a intensidade de fluorescência é linear com a concentração na faixa de 100 a 500 mg g-^ 1^ PA; os limites de detecção e de quantificação são 14,6 e 48,9 mg g-^ 1^, respectivamente, e a freqüência analítica é de 300 amostras por hora. Para uma amostra típica, o desvio padrão relativo (d.p.r.) foi estimado como 2,4% considerando vinte replicatas. A exatidão foi avaliada comparando-se os resultado analíticos obtidos pelo método proposto com os valores obtidos pelo método referência recomendado pela Farmacopéia Britânica, não sendo observadas diferenças entre os métodos ao nível de 95% de confiança; o metodo desenvolvido é uma boa alternativa aos métodos tradicionais descritos na literatura, devido a suas características favoráveis de rapidez na análise, custo, possibilidade de monitoramento on line em linha de produção e, principalmente, por ser não destrutivo e não gerar resíduos.


Processo FAPESP: 01/08149-6 - Utilização de ressonância magnética de plasma de superfície acoplada a eletroquímica no estudo de interações de biomoléculas
Beneficiário:Lauro Tatsuo Kubota
Pesquisador responsável:Lauro Tatsuo Kubota
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Química (IQ)
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Regular