Busca avançada
Ano de início
Entree
Conteúdo relacionado

EXTRATOS DE PRÓPOLIS VERMELHA, FRAÇÕES ATIVAS DOS EXTRATOS, COMPOSIÇÕES FARMACÊUTICAS E SEU USO

Tipo de documento:Patente
Inventor(es): Estela Maria Novak; Maria Cristina Marcucci Ribeiro; Thiago Antonio Fedele; Norma Estefania Andrades Ikeda; Martha Silveira e Costa; Sergio Paulo Bydlowski; Durvanei Augusto Maria
Depositante: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) ; Universidade Bandeirantes (UNIBAN) ; Universidade de São Paulo (USP)
Data do depósito: 17 de setembro de 2008
Registro INPI:
PI0803475-3 - Consulta INPI
IPC: A61P 35/00 A61P 31/00 A61K 35/644
Resumo

A presente invenção destina-se a extratos de própolis vermelha tipificada (por exemplo, aquoso, alcoólico, hidroalcoálico, clorofórmico, hexânico, entre outros), frações ativas dos extratos contendo compostos polifenólicos (fenóis totais e flavonóides totais), em particular as frações BRV (A - F) com concentrações que variam de 0,1 a 200 <109>g/mL. Adicionalmente, o presente pedido trata de composições farmacêuticas contendo as ditas frações ativas e seu uso em formulações antineoplásicas, antiinflamatórias, antimicrobianas e cicatrizantes.


Processo FAPESP: 04/15387-9 - Avaliação da própolis associada a papaína em lesões cutâneas em ratos
Beneficiário:Thiago Antonio Fedele
Pesquisador responsável:Maria Cristina Marcucci Ribeiro
Instituição: Universidade Bandeirantes (UNIBAN). Pró-Reitoria Acadêmica
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Iniciação Científica