Busca avançada
Ano de início
Entree

PROCESSO DE OBTENÇÃO DE POLIÉSTER RETICULADO UTILIZANDO PROCESSO LIVRE DE REAGENTES TÓXICOS, POLIÉSTER RETICULADO E USO

Tipo de documento:Patente
Inventor(es): Natalia Lorena Parada Hernandez; Maria Regina Wolf Maciel; Maria Ingrid Rocha Barbosa Schiavon; Anderson De Jesus Bonon; André Luiz Jardini Munhoz; Rubens Maciel Filho
Depositante: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Data do depósito: 26 de março de 2015
Registro INPI:
BR1020150067518 - Consulta INPI
IPC: C08L 67/02
Resumo

A presente invenção se refere a um processo de síntese de poliéster reticulado a partir da reação de cura de óleos vegetais epoxidados atóxicos, poliéster reticulado obtidos do processo e uso destes na área médica, particularmente, Engenharia de Tecidos. Com este fim, foram empregados comonômeros não tóxicos na formulação e sem o emprego de iniciadores e/ou catalisadores, tornando o material atóxico. Esta resina epoxídica com histórico livre de agentes tóxicos foi curada posteriormente na presença de ácido cítrico, o qual foi escolhido como agente de cura devido a sua natureza não tóxica. A reação de cura do óleo de mamona epoxidado e o ácido cítrico permitiu obter um poliéster reticulado a partir de uma formulação livre de catalisadores e/ou iniciadores e comonômeros tóxicos.


Processo FAPESP: 09/16480-6 - Síntese de biopolímeros epoxídicos a partir de fontes renováveis para construção de dispositivos biomédicos utilizando técnicas de prototipagem rápida e biofabricação
Beneficiário:Maria Ingrid Rocha Barbosa Schiavon
Pesquisador responsável:Rubens Maciel Filho
Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Engenharia Química (FEQ)
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado