Busca avançada
Ano de início
Entree
Conteúdo relacionado

BIOSSENSOR PARA DETECÇÃO DE HORMÔNIOS TIREOIDIANOS E APLICAÇÕES EM NANOMEDICINA

Tipo de documento:Patente
Inventor(es): Valtencir Zucolotto; Igor Polikarpov; Luana Bendo; Ana Carolina Migliorini Figueira
Depositante: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) ; Universidade de São Paulo (USP)
Data do depósito: 04 de abril de 2011
Registro INPI:
PI1101437-7 - Consulta INPI
IPC: G01N 27/22
Resumo

BIOSSENSOR PARA DETECÇÃO DE HORMÔNIOS TIREOIDIANOS E APLICAÇÕES EM NANOMEDICINA. Construção de um biossensor para detecção de hormônios tireoidianos e análogos sintéticos utilizando-se um eletrodo contendo trilhas interdigitadas de ouro. Neste dispositivo, tanto a superfície sólida quanto a superfície sólida das trilhas de ouro, foram previamente preparadas com agentes silano e mistura binária de tiois por meio da técnica de monocamadas auto-organizadas (SAMs). Sobre estas superfícies preparadas foi imobilizado a região LBD do receptor nuclear humano tireoidianos TR<225>1 por "casting". A detecção destes hormônios é realizada segundo medidas elétricas de impedância e resistência, as quais podem ser relacionadas com as concentrações dos analitos em um simples eixo de coordenadas, com capacitância ou resistência versas concentração.Esta metodologia permite a obtenção de um biossensor para hormônios tireoidianos, como T3, T4 e TRIAC, bem como para ligantes sintéticos, como o GC-1.


Processo FAPESP: 03/09462-5 - Estudos estruturais e funcionais dos receptores nucleares dos hormônios tireoideanos: em busca de novos ligantes
Beneficiário:Ana Carolina Migliorini Figueira
Pesquisador responsável:Igor Polikarpov
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Física de São Carlos (IFSC)
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado Direto