Busca avançada
Ano de início
Entree

Eduardo da Silva Martins

CV Lattes


Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Graduado em Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). Mestre em Engenharia e Ciências de Alimentos pela UNESP. Doutor em Ciências Biológicas (Microbiologia Aplicada) pela UNESP. Pós-doutorado no Laboratório de Bioquímica e Microbiologia Aplicada da UNESP. Docente e pesquisador efetivo da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) unidade Frutal. Atualmente atuo na coordenação dos cursos de Tecnologia em Alimentos e Tecnologia em Produção Sucroalcooleira e vice-coordenação do curso de Engenharia Agronômica. Tenho experiência em ensino nas áreas de Microbiologia Geral, Microbiologia Aplicada ao Meio Ambiente, Bioquímica e Biologia Celular. Docente do PROFNIT (Mestrado Profissional em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação). Desenvolvo pesquisas nas áreas de Microbiologia Industrial e Ambiental, Enzimologia e Ciência e Tecnologia de Alimentos, atuando principalmente nos seguintes temas: aproveitamento de subprodutos agro-industriais e produção de enzimas microbianas de interesse industrial e microbiologia de alimentos. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 14/12/2019
2 Bolsas no país concluídas

Processos vinculados
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

MARTINS, Eduardo da Silva. Purificação e caracterização bioquímica de poligalacturonases termoestáveis produzidas pelo fungo Thermoascus aurantiacus através de fermentação submersa e fermentação em estado sólido. 2006. 108f. Tese (Doutorado) – . Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro). Rio Claro.

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: