Busca avançada
Ano de início
Entree

Rogério Luiz Iope

CV Lattes


Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Física (IF)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Bacharel em Física Aplicada (ênfase em Instrumentação e Microeletrônica) e Doutor em Engenharia Elétrica (ênfase em Engenharia da Computação) pela Universidade de São Paulo (USP). Trabalhou no corpo técnico do Centro de Computação da USP por 4 anos onde, entre outras atividades, projetou e construiu o primeiro cluster baseado em Linux do centro. Durante os estudos de pós-graduação trabalhou como assistente de pesquisa para o centro de Análises e Pesquisa de São Paulo (SPRACE), grupo de pesquisa em física de altas energias (HEP) financiado pela Fapesp e estabelecido na Universidade Estadual Paulista, ligado a experimentos do Fermilab e CERN. Atuou no suporte e manutenção dos sistemas computacionais do SPRACE e na conectividade de redes R&D locais e internacionais. Foi contratado pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) em 2009 para trabalhar com o time responsável pela construção do datacenter e definição dos recursos de HPC do Núcleo de Computação Científica. Foi peça chave na determinação dos requisitos computacionais, de armazenamento e de rede para o novo centro, participando ativamente do planejamento, execução, suporte e manutenção dos recursos computacionais, e coordenou a implantação da infra-estrutura. É membro da colaboração CMS do experimento do LHC desde 2006, atuando no SPRACE como pesquisador associado. Participa ativamente, desde 2004, de demonstrações de transferências de dados de alto desempenho no evento anual ?Supercomputing Conference?, em conjunto com um time internacional de físicos de altas energias, cientistas da computação e engenheiros de rede, liderados pelo grupo de física de altas energias do Instituto de Tecnologia da California (Caltech). É coordenador técnico de programas em parceria com empresas, sendo Co-PI do projetos "Intel Parallel Computing Center" e "Intel Modern Code Partner" com a Intel, além de projeto de redes definidas por sotware com a Huawei. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Renafae 2018 
Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 12/10/2019
1 Bolsas no país concluídas

Processos vinculados
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Videos relacionados aos auxílios à pesquisa e bolsas

SP Pesquisa - Bóson de Higgs - 2º Bloco

Publicado em 2 de maio de 2015 - SP Pesquisa - Bóson de Higgs - 2º Bloco. Em março de 2013, as manchetes do mundo todo se voltaram à descoberta do bóson de Higgs. Era a peça que faltava para completar o Modelo Padrão da Física de Partículas, o arcabouço teórico que explica de que são feitas todas as coisas que são vistas na natureza - dos átomos do nosso corpo às reações nucleares no coração das estrelas. A descoberta foi feita no LHC (o maior acelerador de partículas do mundo), na Suíça. O Brasil teve certa participação, ao colaborar para o processamento da montanha de dados vindos dos aceleradores, compondo uma sofisticada rede computacional chamada SPRACE, montada na UNESP com financiamento FAPESP. O programa apresenta tal participação e explica o que é o campo de Higgs, onde está o bóson e por que a descoberta é tão relevante.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: