Busca avançada
Ano de início
Entree

Judith Johanna Hoelzemann

CV Lattes


Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Alemanha

Professora Associada da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em Natal/RN, Brasil, na área de Processos Físicos e Químicos da Atmosfera. Docente e vice-chefe do Departamento de Ciências Atmosféricas e Climáticas alocado no Centro de Ciências Exatas e da Terra (CCET). Judith Hoelzemann é coordenadora do grupo de pesquisa de Modelagem e Observação de Química da Atmosfera (GP-MOQA) e do Laboratório de Lidar Atmosférico - DUSTER na UFRN. Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Climáticas (PPGCC). Ministra disciplinas nos cursos de graduação em Meteorologia e Engenharia Ambiental da UFRN. Desde 2019 Judith Hoelzemann é membro da international Comission on Atmospheric Chemistry and Global Pollution (iCACGP), do IAMAS/IUGG (2019-2022) e foi membro do Scientific Steering Committee do projeto global "International Global Atmospheric Chemistry project" (IGAC), financiado pela iniciativa "Future Earth" de 2014 - 2019 e tem participado ativamente na organização de suas conferências científicas. Participa em projetos internacionais e nacionais de pesquisa na área de física e química da atmosfera e clima. É revisora de jornais científicos internacionais e nacionais. Interesses de pesquisa: Observações e modelagem químico-atmosféricas: qualidade do ar, aerossóis atmosféricos, sensoriamento remoto de aerossóis atmosféricos por satélites, LIDAR e fotômetros solares, emissões de fogos de vegetação, inventários de emissões atmosféricas, modelagem e assimilação de transporte, reação, deposição de gases traço e aerossóis na atmosfera. Membro do comitê de gestores do projeto/Laboratório alemão-brasileiro KLIMAPOLIS.
 

Judith Hoelzemann é formada (graduação e mestrado) em Geofísica pela Universidade de Colônia, Alemanha (2001). Doutora desde 2006, pela "International Max Planck Research School on Earth System Modelling" (IMPRS-ESM) no Instituto Max Planck de Meteorologia em Hamburgo e pela Universidade de Hamburgo ("Dr. rer. nat. - Doutora em Ciências Exatas e da Terra"), Alemanha. Pós-doutorado FAPESP de 2006-2010 no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) no Brasil, no Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) (2006-2008), assim como no Centro de Ciência do Sistema Terrestre (CCST) (2009-2010). De 2010-2011 atuou como Pesquisadora Associada no CCST/INPE em São José dos Campos/SP, contratada pela Rede Clima, antes de assumir o cargo de professora na UFRN em 2011. (Fonte: Currículo Lattes)

Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 21/11/2020
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações resultantes de Auxílios e Bolsas sob responsabilidade do(a) pesquisador(a) (1)

(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)

HOELZEMANN, JUDITH J.; LONGO, KARLA M.; FONSECA, RAFAEL M.; DO ROSARIO, NILTON M. E.; ELBERN, HENDRIK; FREITAS, SAULO R.; PIRES, CARLOS. Regional representativity of AERONET observation sites during the biomass burning season in South America determined by correlation studies with MODIS Aerosol Optical Depth. JOURNAL OF GEOPHYSICAL RESEARCH, v. 114, . Citações Web of Science: 20. (08/06822-4, 05/60890-3)

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: