Busca avançada
Ano de início
Entree

Margareth Matiko Uemura

CV Lattes


Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-CAMP). Faculdade de Arquitetura e Urbanismo  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Mestre em Estruturas Ambientais e Urbanas com especialização em Desenho e Gestão do Território Municipal. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Católica de Santos (1987) e especialização em Gestão Territorial e Mestrado em Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2000). De 1989 a 2009, trabalhou em Administrações Públicas colaborando com a elaboração de Políticas Públicas que buscam planejar e desenhar o território de maneira inclusiva. Participou da elaboração e implementação dos Programas de Reabilitação de Centros nas cidades de São Paulo e Santo André. Participou da elaboração do Programa Nacional de Reabilitação de Áreas Centrais no Ministério das Cidades, onde acompanhou os Projetos Urbanos em sete capitais do Brasil (Rio de Janeiro, São Paulo, Vitória, Salvador, Recife, Fortaleza e Belém). Foi professora nos os Cursos a Distância para elaboração de Planos Locais de Habitação de Interesse Social e de Políticas Urbanas e de Regularização Fundiária organizados pelo Ministério das Cidades. Coordenou entre 2009-2012 pelo Instituto Polis- Instituto de Estudos, Formação e Assessoria em Políticas Sociais - o Programa "Moradia é Central" que discute o acesso a moradia para baixa renda nos centros das cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Recife, Fortaleza e Belém. Foi consultora da UNESCO - Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (2009-2010) e do IPHAN- Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional para o Plano do Centro Antigo de Salvador e para a implementação dos Planos de Ação para Cidades Históricas - PACH, nas 12 capitais brasileiras participantes do Programa (2009-2010). Foi consultora da DEMACAMP nos Planos de Habitação de Osasco/SP, Petrópolis/RJ (2011-2012), Região Metropolitana de Campinas/SP (2009-2011) e Plano do Estado de Santa Catarina (2009-2012). Desenvolveu a pesquisa no CNPQ sobre os empreendimentos do MCMV no litoral do Estado de São Paulo ( 2013-2014). Atualmente é coordenadora de Urbanismo do Instituto Polis onde coordenou os Planos: Plano de Habitação da Estância Turística de Ribeirão Pires/SP (2010-2012): Plano Diretor de São Bernardo do Campo (2011-2012); Laranjal do Jari e Vitoria do Jari - AM e Almeirim -PA(2013-2014); Plano de Desenvolvimento Institucional - Rio Claro (2013-2015); Plano Diretor de Rio Claro ( 2012-2015), Plano Diretor de Vitória (2014-2016) DIST - Plano de Desenvolvimento Integrado em Londrina- PR e Campinas-SP (2014 em andamento); ICES - Iniciativa Cidades Emergentes em Vitoria/ES (2014 - 2015); Planos Urbanos em Itaparica e Vera Cruz/BA, (2014-2017), Plano Regional para 10 municípios no Recôncavo baiano (2015 -2017) e Estudos de Impacto de Vizinhança e Projeto Urbano (2015-2017). Consultora pela UNESCO IPHAN para a revisão das normativas para o Centro Histórico de Belém e Florianópolis (2016/2018). Coordena pelo Polis o Plano de Ação para as ZEIS da APCP do Centro Histórico de Salvador (2018); Coordena a elaboração de estratégias para o atual aeroporto de Sobral- CE e para a implantação de um Polo metal mecânico em Tabuleiro do Norte- CE (2017-2018). De 2000 -2013 foi professora de Projeto e Planejamento Urbano e orientadora de trabalhos de graduação na Universidade Bandeirantes. Desde 2010 é professora no curso do COGEAE da PUC-SP no curso de Economia Urbana. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 16/01/2021
1 Bolsas no país concluídas

Processos vinculados
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: