Busca avançada
Ano de início
Entree

Luzia Valentina Modolo

CV Lattes


Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Biologia (IB)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

É Mestre (2001) e Doutora em Biologia Funcional e Molecular (2004) pela Universidade Estadual de Campinas, com residência pós-doutoral pela Noble Research Institute, EUA (2005-2008), financiada pela National Science Foundation (NSF). Tem experiência na área de Bioquímica e Biologia Molecular, atuando principalmente em temas como metabolismo secundário, nutrição nitrogenada e sinalização celular em plantas sobre estresses ambientais. É Professora Associada da UFMG, membro do corpo editorial do Journal of Advanced Research (Elsevier; FI JCR 2019 = 6,992), atua como revisora de manuscritos para diversos periódicos científicos indexados e é parecerista ad-hoc de agências nacionais e internacionais de fomento à pesquisa. É coordenadora do Grupo de Estudos em Bioquímica de Plantas - GEBioPlan e da Rede de Estudos para o Desenvolvimento de Novos Inibidores de Urease - REDNIU (www.redniu.org). É membro da Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal, American Society for Plant Biologists (ASPB) e Sociedade Brasileira de Ciência do Solo. Possui trabalhos em colaboração e publicações com pesquisadores de instituições nacionais e internacionais de Pesquisa. Foi Chefe do Departamento de Botânica, ICB, UFMG de Fev/2014 a Fev/2016. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 16/01/2021
1 Bolsas no país concluídas

Processos vinculados
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Publicações acadêmicas

(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

MODOLO, Luzia Valentina. Produção de oxido nitrico pela oxido nitrico sintase, nitrato redutase e uma atividade mitocondrial redutora de nitrito na resposta de defesa de Arabidopsis thaliana a Pseudomonas syringae. Tese (Doutorado) -  Instituto de Biologia.  Universidade Estadual de Campinas.  (01/05613-3

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: