Busca avançada
Ano de início
Entree

Luiz Augusto Toledo Machado

CV Lattes ResearcherID ORCID


Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (Brasil). Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Possui Bacharelado e Mestrado em Meteorologia pela Universidade de São Paulo (1981 e 1984), Diplôme D'études Approfondies Oceanologie Meteorologie - Universite de Paris VI (Pierre et Marie Curie) (1989) e Doutorado em Sciences de La Vie - Universite de Paris VI (Pierre et Marie Curie) (1992). Foi pesquisador visitante da NASA/GISS e do LMD/França. Membro do corpo Docente da PGMET do INPE. Pesquisador aposentado do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e líder do grupo de pesquisa - sensoriamento remoto da atmosfera. Pesquisador visitante do Instituto de Física da USP e colaborador no Max Plack Institut for Chemistry. Tem experiência na área de Meteorologia, com ênfase em Sensoriamento Remoto da Atmosfera e Previsão Imediata e convecção tropical, atuando principalmente nos seguintes temas: convecção, climatologia e sistema convectivo. Atua ou atuou como Coordenador do Expert Team in Satellite Utilization and Products (WMO), membro do Expert Team on the Evolution of the Global Observing System (WMO), membro do International Commission on Clouds and Precipitation, membro do Conselho Científico do IRD- França (Institut de Recherche pour le Developpement), membro do ARM Scientific Board, membro do SSC do ATTO e Assessor de área (Geociências) da FAPESP. Foi Chefe da Divisão de Ciências Atmosféricas do IAE, da Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais do INPE e Coordenador do CPTEC. Recebeu o prêmio CAPES, como orientador, melhor Tese Geociências 2017 e Prêmio Peter Muranyi - Inovação e Tecnologia em 2018 e top download paper 2020 Meteorological Application. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
De la polvareda al temporal 
De la polvareda al temporal 
As sementes ocultas da chuva 
Un océano en los aires 
Um oceano nos ares  
Matéria(s) publicada(s) no Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Aplicativo avisa sobre chuva ou tempestade no local onde está o usuário 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 25/06/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Videos relacionados aos auxílios à pesquisa e bolsas

SP Pesquisa - Amazônia - 2º Bloco


Publicado em 18 de julho de 2015 - SP Pesquisa - Amazônia - 2º Bloco. O São Paulo Pesquisa apresenta o trabalho de uma brasileira que ganhou a capa da revista científica NATURE. A pesquisadora Luciana Vanni Gatti mostrou qual o papel da floresta amazônica no Balanço de Emissões de Carbono. A cientista usou um método que permitiu a medição da concentração dos gases de efeito estufa em vários pontos da floresta, em diferentes meses do ano, e descobriu que a quantidade de chuva altera completamente o papel da floresta na emissão do CO², o principal gás que contribui com o aquecimento global. Também na Amazônia, um grupo de cientistas de São Paulo investiga como a poluição interfere na formação das nuvens, e no regime de chuvas em várias partes do país.

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: